Desmentindo rumores, Microsoft confirma que continuará investindo no Xbox

Por Redação | 11.12.2015 às 09:22 - atualizado em 11.12.2015 às 09:55

A história do Xbox é cheia de altos e baixos. O primeiro console da Microsoft passou quase que despercebido pelos jogadores, mas seu sucessor foi um enorme sucesso e passou quase que a geração passada inteira à frente do PlayStation 3 como o sistema mais popular entre os fãs de videogame. Já com o Xbox One, a briga parece pender mais para o concorrente, que já superou a marca de 30 milhões de unidades vendidas. Porém, isso está longe de fazer com que a companhia desista do mercado de jogos.

Questionado sobre a possibilidade de mudar a marca Xbox para um aplicativo, uma loja ou algo do tipo, o presidente da divisão de games da Microsoft foi categórico ao negar essa possibilidade para o futuro. Em entrevista ao site The Verge, Phil Spencer disse que podemos esperar outros consoles da empresa nos próximos anos e que os consumidores de videogames são os melhores de toda a companhia devido ao seu engajamento com o produto. Assim, segundo Spencer, a ideia é fazer o possível para manter esses fãs ligados ao Xbox no futuro.

O executivo disse que não tem interesse em diluir essa paixão dos consumidores e que a proposta é expandir o que a Microsoft pode fazer por eles. Com base no que vimos nesse último semestre de 2015, uma das estratégias para isso é apostando em exclusivos de peso para o console e também em melhorias no sistema para que o Xbox One seja a plataforma que todos desejam. Basta ver a felicidade do pessoal com a chegada da retrocompatibilidade para ter uma ideia disso.

Minecraft/Xbox

O Verge também conversou com outra executiva do Xbox, Shannon Loftis, que falou um pouco dos planos para o futuro da divisão de jogos da Microsoft, revelando que o plano é fazer com que a coisa toda fique muito mais inclusiva. Para isso, explica ela, a companhia quer explorar diferentes maneiras de fazer com que a plataforma seja capaz de proporcionar experiências relevantes. Em outras palavras, ela reforçou algo que já vemos desde o Kinect no Xbox 360, ou seja, novos modos de jogar que mostrem que nem tudo se resume a pegar um controle.

Para a nova geração, a principal aposta está mesmo no HoloLens. Ainda que sem data de lançamento definida, os óculos de realidade aumentada já impressionaram todo mundo a partir de algumas demonstrações feitas em eventos ao longo do último ano. Por mais que, dentro do mundo dos jogos, só tenhamos visto Minecraft e outro título menor, a tecnologia é mais do que esperada e, para Phil Spencer, possui potencial definitivo para games.

Via: The Verge, Gamespot