Desafio Mastertech dará R$ 10 mil para novas soluções em pagamentos eletrônicos

Por Redação | 29 de Agosto de 2016 às 19h43
photo_camera Divulgação

A Rede, empresa especializada no desenvolvimento de meios eletrônicos de pagamento, anunciou nesta segunda-feira (29) a primeira edição do Desafio Mastertech, em que profissionais do mercado de TI poderão apresentar novos projetos que aprimorem as formas de pagamento eletrônico adotado pelas varejistas. O evento acontecerá a partir de 10 de setembro.

A competição será realizada no CUBO, espaço de coworking desenvolvido e administrado pelo Itaú Unibanco em parceria com a RedPoint eVentures. Divididos em equipes de três a cinco pessoas, os programadores disputarão qual time desenvolve o melhor aplicativo para auxiliar os lojistas na gestão do seu negócio. A solução vencedora será disponibilizada para download no Marketplace, loja de apps da Rede que oferecerá aos clientes a possibilidade de incrementar os terminais com novas funções.

"O Brasil é hoje um dos países mais conectados do mundo, e por isso temos aqui alguns dos melhores talentos de TI. Queremos ouvir o que esses desenvolvedores têm a dizer e como podem contribuir para o crescimento do varejo, motivo pelo qual estamos propondo este desafio", explica Frederico Alves Souza, diretor de produtos da Rede.

A expectativa da Rede é que mais de 100 profissionais participem do desafio no Cubo. Inaugurado em setembro do ano passado, o espaço é uma iniciativa sem fins lucrativos que nasceu para estimular mercado de empreendedorismo tecnológico na América Latina. "O Cubo é uma iniciativa com enorme potencial, e a nossa parceria com esses desenvolvedores é mais uma importante entrega do projeto para a Rede e para o Itaú", afirma Souza.

Após o dia do desafio, os participantes do MasterTech vão se reunir novamente em 30 de setembro para o Demoday, quando os aplicativos serão apresentados. Os vencedores serão escolhidos de acordo com os critérios de criatividade, funcionalidades implementadas e impacto potencial para lojistas e usuários. O time campeão, além de manter 100% da propriedade intelectual, receberá uma quantia de R$ 10 mil para desenvolver o projeto e terá direito a seis meses de residência no Cubo. Os integrantes também ganharão viagens para o Vale do Silício.

"Com o MasterTech, seremos a primeira empresa do mercado financeiro brasileiro a disponibilizar sua API (Application Programming Interface) para desenvolvedores externos, reforçando o posicionamento da companhia como referência em inovação e tecnologia no país", complementa Souza.

Mais informações, assim como a inscrição para participar do concurso, estão disponíveis neste site.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.