Depois da ameaça, Nubank diz que continua e veio para ficar

Por Leandro Souza | 20.12.2016 às 16:02

Menos de 24 horas depois de levantar polêmicas e discussões sobre a possibilidade de sair de operação no Brasil (leia sobre a encrenca aqui), caso a legislação dos cartões de crédito fosse alterada pelo Banco Central, o Nubank soltou uma nota extensa em seu site para falar sobre a repercussão do caso.

A empresa divulgou a nota em sua página no Facebook, em que agradeceu a manifestação dos fãs e usuários, assim como comemorou a decisão do Banco Central em não fazer mudanças repentinas no mercado de adquirência.

"Com essa demonstração de que os nossos reguladores, que têm um papel tão importante para o funcionamento do nosso setor, estão comprometidos com o melhor para a economia e o país, podemos afirmar: o Nubank continua, e veio pra ficar", destacou a empresa na nota.

Segundo a empresa, mudar o prazo de repasse de valores das compras em cartão de crédito ao aos lojistas de 30 para 2 dias seria inviável para o modelo do Nubank, que não estão associadas a grandes bancos com bilhões em caixa, seriam muito prejudicadas.

"E mesmo que conseguíssemos acesso a esse volume de recursos, isso colocaria em risco o nosso modelo de negócio, que é baseado em sermos altamente eficientes para não termos que cobrar tarifas ou juros absurdos", afirmou a companhia.

Além disso, o Nubank sugeriu que até mesmo o argumento de que o varejista seria beneficiado com a mudança não é tão fundado. "Seria ingênuo imaginar que o custo desse capital (de pagar em 2 dias) não seria facilmente repassado para os próprios lojistas e consumidores através do aumento de outras tarifas e juros", cutucou o Nubank.

Para a empresa, a forte declaração da cofundadora do Nubank, Cristina Junqueira serviu para chamar atenção para o que poderia ser o fim do Nubank e de tantas outras fintechs, que "trazem mudanças tão necessárias para uma indústria tão problemática".

A empresa chamou a atenção para os mais de 30 artigos em grandes veículos da imprensa e dezenas de milhares de posts nas redes sociais, o que gerou um trend mundial da marca no Twitter. Para agradecer os fãs, a empresa postou algumas das demonstrações de apoio nas redes sociais durante o imbroglio. Você pode conferir a declaração completa do Nubank e de alguns fãs neste link.

Equipe do Nubank agradeceu o apoio dos usuários nas últimas 24 horas (Foto: divulgação/ Nubank)