Cofundador da Hyperloop One lança startup rival após ser demitido da empresa

Por Redação | 09 de Fevereiro de 2017 às 16h23
Divulgação

Há cerca de três anos, o bilionário Elon Musk apresentou ao mundo seu plano para o futuro do transporte coletivo de alta velocidade: o Hyperloop. Para tirar a ideia do papel, duas empresas surgiram, entre elas a Hyperloop One.

No entanto, o projeto virou manchete em julho do ano passado após o cofundador da Hyperloop One, Brogan BamBrogan, ser demitido e acusado de roubar funcionários da empresa para contratá-los em seu novo empreendimento, o Hyperloop Two. Na ocasião, o advogado de BamBrogan, Justin Berger, disse que as acusações são falsas e as considera "pura ficção".

Agora, essa história ganha um novo contorno, pois Brogan, que também é ex-funcionário da SpaceX, acaba de lançar oficialmente uma concorrente para sua antiga empresa do trem supersônico. A startup chamada Arrivo foi fundada por seis sócios, três dos quais foram demitidos da Hyperloop One juntamente com Brogam, incluindo o conselheiro geral da empresa David Pendergast.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A Arrivo vai comercializar tecnologia para os sistemas do Hyperloop e terá duas pistas de testes, uma das quais será nos Estados Unidos. A pretensão é que os projetos da empresa comecem a gerar receita em três anos. De acordo com o anúncio, a startup planeja ter 30 funcionários até junho e 80 até o final de 2017.

Até o momento, a Hyperloop One arrecadou mais de US$ 140 milhões e firmou acordos com o governo de Dubai para montar sua tecnologia no país. A empresa também planeja executar o primeiro teste completo de seu sistema em março deste ano.

Via Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.