China proíbe testes de carros autônomos em vias públicas

Por Redação | 20.07.2016 às 17:40

Órgãos reguladores de trânsito na China advertiram as montadoras a não realizarem testes de carros autônomos em vias públicas até segunda ordem. O Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China está trabalhando na elaboração de leis e normas para testes de autocondução. Até as leis ficarem prontas, os veículos autônomos não podem ser testados nas ruas públicas em todo país.

O prazo para as normas estarem prontas ainda é desconhecido. Tal proibição afetará diretamente montadoras que estavam testando novas tecnologias para seus automóveis. A Volvo, que tem planos para cidadãos comuns estarem em carros autônomos terá de ajustar seu cronograma. A chinesa Chongqing Changan Automobile Co. também deverá ser afetada, depois de conseguir quase 2 mil quilômetros de rodagem com seus automóveis equipados com radares e câmeras.

Governos de todo mundo estão encontrando maneiras de equilibrar a pressão das empresas para a inovação com carros autônomos sem comprometer as normas de segurança. A futura redução, mesmo que temporária, dos testes de veículos de autocondução deverá limitar as empresas do setor que estavam começando a realizar testes locais em diferentes condições de tráfego, sinalização e clima. Com isso, as montadoras esperam aprimorar suas tecnologias para estarem preparadas para todo tipo de situação.

A iniciativa do governo chinês de regulamentar os testes de carros autônomos acontece depois que autoridades dos Estados Unidos começaram a investigar um acidente fatal envolvendo um motorista do Model S, da Tesla. Segundo as investigações, o motorista estava utilizando o piloto automático do veículo no momento do acidente.

Via Bloomberg