ChatOn, o WhatsApp da Samsung, não vai mais ser desativado

Por Redação | 26 de Novembro de 2014 às 16h04

Atualmente, a forma mais popular e rápida de entrar em contato com seus amigos e parentes é utilizando aplicativos de mensagens instantâneas. Nesse segmento, o líder absoluto é o famoso WhatsApp, mas isso não impede que concorrentes apareçam aqui e acolá.

Um desses produtos é o ChatOn, desenvolvido pela Samsung e introduzido no mercado em 2011. Apesar der não uma ferramenta de grande sucesso, o aplicativo roda em aparelhos Android, iOS e Blackberry, suporta mais de 60 idiomas e chegou a mais de 120 países. Apesar desse aparente sucesso, a sul-coreana decidiu que vai mesmo desativar o serviço.

Segundo informações divulgadas pelo Korean Times, a decisão da Samsung faz parte de um plano de reestruturação dos serviços que oferece. Além disso, um representante não identificado confirmou ao portal sul-coreano que a companhia está dispensando produtos que não dão retorno financeiro como uma maneira de aumentar os lucros.

Dessa forma, o ChatOn seria o primeiro produto a sair de cena, sendo desativado aos poucos em todas as regiões em que atua. A ideia é que o processo ocorra de maneira gradual e ofereça tempo suficiente para os usuários que utilizam o serviço procurarem uma nova alternativa.

Por fim, outro representante da gigante sul-coreana contou que a companhia está simplificando seus negócios e o ChatOn foi apontado como um dos que tinham um futuro pouco promissor, justificando a sua desativação.

Atualização (15h04)

Apesar das informações sobre a desativação do ChatOn terem vindo de um suposto representante da Samsung, a empresa emitiu um comunicado, reproduzido pelo The Verge, desmentindo os rumores relacionados ao serviço de mensagens instantâneas. De acordo com a empresa, o ChatOn vai continuar funcionando e que ela não tem planos de desativá-lo. A empresa também reforçou que jamais deixaria os mais de 100 milhões de adeptos do app sem seus serviços e que o fim dele não faz qualquer sentido.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.