Catchbook: o fim dos desenhos e anotações em guardanapo ou recortes de papel

Por Igor Lopes | 20.05.2016 às 16:30

* De Orlando (EUA)

Que tal um app que entende rabiscos e os converte em desenhos e projetos 3D? Essa é a ideia do Catchbook, nova ferramenta lançada pela Siemens esta semana durante o Siemens PLM Connection, que aconteceu em Orlando (EUA). Ele está disponível para Android e iOS e, em resumo, trata-se de um sistema que entende desenhos e esboços feitos a mão livre, mas já os reconhecendo como projetos de engenharia.

Já existem várias ferramentas do tipo no mercado, mas o Catchbook é um dos mais leves à disposição. Ele tem uma palheta de ferramentas que permite aos usuários desenhar e dimensionar trabalhos em linha para definir um produto, ou modificar sua geometria. Usando uma Stylus ou até mesmo o dedo, usuários podem desenhar qualquer objeto sem se preocupar com traços muito retos ou curvas muito perfeitas: o sistema interpreta a intenção do usuário ao fazer aquele traço e o transforma, instantaneamente, na proporção correta. Se o seu círculo, por exemplo, estiver mais para um ovo, não tem problema: o Catchbook vai entender o que você quis colocar no papel. Um dos grandes diferenciais do Catchbook para as outras aplicações mais leves é que qualquer traço pode ser misturado e associado aos outros - e isso é algo visto somente em softwares CAD mais pesados.

Para finalizar, todos esses desenhos podem ser compartilhados com outros softwares da Siemens, como o Solid Edge, por meio de serviços de armazenamento na nuvem como Dropbox.

O Catchbook acaba de ser lançado para 18 países. O Brasil não consta nessa primeira leva, mas a versão para o nosso mercado deve ser disponibilizada daqui poucas semanas.

* O jornalista viajou para o PLM Connection a convite da Siemens.