Cabify vai investir US$ 200 milhões para expandir operações no Brasil

Por Redação | 05 de Abril de 2017 às 12h41
Divulgação
Tudo sobre

Opera

O serviço de transporte por aplicativo Cabify anunciou nesta terça-feira (4) um investimento de US$ 200 milhões em suas operações no Brasil. O valor será usado para expandir a presença da empresa nas cidades onde já está disponível, além de auxiliar no lançamento da ferramenta em outras capitais.

Atualmente, o aplicativo funciona nos municípios de São Paulo (SP), Santos (SP), Campinas (SP), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Belo Horizonte (MG) e Curitiba (PR). Ainda neste semestre, a companhia espera chegar a Brasília (DF) e abrir seu primeiro posto na região Nordeste - este último ainda sem um local definido.

"Queremos mostrar a cada vez mais brasileiros que chegamos para ficar e somos a melhor opção de aplicativo de mobilidade urbana do país", destacou Daniel Velazco, diretor-geral da Cabify no Brasil. "Nosso crescimento de 70% ao mês desde o início das operações, em junho do ano passado, mostra não só que estamos no caminho certo, mas também que acreditamos no potencial do mercado brasileiro", completou.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Apesar do investimento milionário, o Cabify pode enfrentar resistência agora que foi para votação no Senado projeto de lei que dificulta a atividade de apps de transporte, o que inclui não só o Cabify, mas concorrentes como Uber, 99Taxis e Easy Go. O projeto prevê que todas essas empresas recebam uma autorização das prefeituras, como já acontece com os táxis.

Além disso, cada município poderia decidir se impede ou não o funcionamento desses aplicativos, e autorizações em vigor em outros estados - como em São Paulo, onde existe uma lei específica para esse tipo de transporte - deixariam de valer.

Com informações do G1 e Baguete

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.