Banksy coloca Steve Jobs em campo de refugiados sírios

Por Redação | 11 de Dezembro de 2015 às 16h55

O artista urbano Banksy é a mais nova personalidade a demonstrar seu apoio à situação dos refugiados sírios na Europa. Nesta semana, o campo de Calais, um dos principais destinos daqueles que chegam do Oriente Médio na França, ganhou uma pintura de Steve Jobs como um dos imigrantes, carregando um saco com alguns pertences e um exemplar do primeiro Macintosh.

Ao lado, estão os dizeres “o filho de um imigrante da Síria”, fazendo alusão à genealogia real do fundador da Apple. Ele é filho de Abdulfattah Jandali, que cresceu no país e, após passar um tempo estudando na Universidade do Líbano, veio para os Estados Unidos nos anos 1950 para fugir da violência que envolvia a retirada do governo libanês. Foi na América que ele conheceu Joanne Simpson, com quem teria Jobs.

Banksy Steve Jobs

A imagem do visionário se tornou um exemplo bastante recorrente de apoio aos refugiados da Síria, devido à ideia de que ele, um descendente de imigrante, teve uma contribuição tão grande não apenas para os Estados Unidos, mas também para o mundo. A foto de Jobs é utilizada para lembrar a todos que raça, cor e geografia não importam e incentivar os europeus a receberem os refugiados de braços abertos.

Na arte de Banksy, Jobs aparece ao lado de outras palavras de ordem pichadas pelos próprios refugiados, com dizeres como “ninguém merece viver desse jeito” e “talvez essa situação simplesmente se resolva”. É, também, mais uma das tantas pinturas políticas do artista, que tem sua identidade desconhecida e utiliza estêncil para expor seus trabalhos em muros, monumentos e paredes de todo o mundo.

Banksy Steve Jobs

A ideia é de que Jobs, se estivesse vivo, não gostaria muito de ter a lembrança de suas origens associada à crise síria. O fundador da Apple sempre renegou seus pais biológicos, que o colocaram para adoção quando ele ainda era bebê, e em entrevistas, afirmou diversas vezes que o casal que o adotou é que são seus pais verdadeiros.

Fonte: Banksy

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.