Apple Watch estará disponível nas lojas da China em junho, segundo Tim Cook

Por Redação | 20 de Maio de 2015 às 11h27
photo_camera Divulgação

Durante sua viagem na China, semana passada, Tim Cook realizou uma reunião na sede da Apple no país com vários funcionários, de acordo com fontes de conhecimento do fato. Cook, CEO da companhia, supostamente reiterou vários anúncios focados no mercado chinês, incluindo novas iniciativas e melhoras para educação ambiental. Ele também mencionou alguns novos boatos sobre o próximo lançamento de varejo para o Apple Watch e sobre a implantação do Apple Pay na China.

Em relação ao Apple Watch, Cook afirmou aos funcionários que o "relógio não poderia estar indo melhor", e que a Apple está fazendo um trabalho duro para produção de mais unidades. Vale lembrar que o CEO afirmou anteriormente que unidades do Apple Watch deveriam estar disponíveis nas lojas da Apple em junho. Cook afirmou que o próximo lançamento em lojas da Apple do smartwatch acontecerá na China. Isso torna diversos rumores a respeito das vendas do Apple Watch verdadeiros.

Diversos funcionários também pediram para que Cook comentasse sobre o serviço Apple Pay para o mercado chinês. O executivo revelou que parte da razão de sua visita à China estaria relacionada ao serviço de pagamento da Apple. Ao lado do vice-presidente sênior de Software e Serviços de Internet, Eddy Cue, Cook está à procura de potenciais parceiros para o Apple Pay na China. "Eu acho que fizemos progressos [no Apple Pay para a China]", disse Cook. Ele acrescentou que "há pessoas e bancos diferentes envolvidos", mas que há uma expectativa que o lançamento do serviço ocorra em breve. Cook observou que, mesmo que sejam parceiros diferentes, a funcionalidade e o conjunto de recursos do Apple Pay irão ser semelhantes ao que é adotado nos Estados Unidos.

O CEO da empresa americana também foi perguntado se é possível que a China supere os Estados Unidos como país que gera mais receitas para a Apple. "Eu acho que a China vai superar os Estados Unidos, é apenas uma questão de tempo", disse Cook. Ele ainda acrescentou que "é muito difícil prever exatamente quando isso irá ocorrer, mas se o trabalho for feito corretamente, isso irá ocorrer".

De acordo com dados do último trimestre, a Apple já vende maior parte de seus iPhones e iPads na China. Enquanto isso, o Mac e o iTunes continuam tendo os EUA como principal mercado. Talvez com o lançamento do Apple Watch e do Apple Pay no mercado chinês, a Apple consiga impulsionar outros produtos e serviços já existentes.

Enquanto esteve em viagem à China, Cook aproveitou para criar uma conta na rede social, Weibo, afirmando aos funcionários que Steve Dowling, vice-presidente de Comunicações da Apple, sugeriu a ideia. O CEO afirmou que não estará diariamente na rede social chinesa, apesar de considerar o Twitter e o Weibo fundamentais para realizar anúncios da Apple. Ele disse que mesmo que os tuítes nem sempre sejam formais, eles são importantes para se comunicar com os consumidores.

Via 9to5Mac

Fonte: http://9to5mac.com/2015/05/19/tim-cook-apple-watch-in-stores-in-june-in-talks-for-apple-pay-in-china/

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.