Apple quer arrancar mais US$ 179 milhões da Samsung no tribunal

Por Redação | 28 de Dezembro de 2015 às 15h30

Pouco mais de uma semana depois da Samsung ser intimada a pagar mais de US$ 548 milhões à Apple por violação de patentes e designs do iPhone, a companhia de Cupertino pediu ao tribunal dos Estados Unidos que a Samsung pague ainda mais indenizações.

A Apple está em busca de danos suplementares contra a companhia sul-coreana, visto que a Maçã alega que os rivais ainda continuam a violar determinadas decisões que foram impostas no tribunal após o prazo limite estipulado. A Apple insiste que cinco dispositivos citados no processo inicial, no qual saiu vencedora, continuam a ser vendidos. Assim, a empresa exige compensação desde o dia 24/08/2012 até o presente momento em que cada aparelho continuar a ser vendido. O cálculo poderia chegar a US$ 179 milhões em danos.

A acusação da Apple é um contra-ataque diante da Samsung, que argumentou que a decisão inicial dos tribunais não é válida devido às semelhanças entre os aparelhos que são funcionais e não ornamentais. Isso significa que os smartphones da Samsung "tiveram que adotar o mesmo fator de forma geral do iPhone com a finalidade de desempenhar a função básica de um smartphone".

A Samsung apelou à Suprema Corte dos Estados Unidos e aguarda o tribunal decidir se aceita ou não a revisão do caso. A empresa pronunciou-se afirmando que "reserva todos os direitos de recuperar ou obter o reembolso de quaisquer quantias pagos pela Samsung para qualquer entidade no caso de o julgamento parcial ser invertido, modificado, abandonado ou retirado".

O que joga contra a Apple na tentativa de arrancar cerca de US$ 179 milhões é que a juíza Lucy Koh já havia ignorado o pedido original da empresa para banir os cinco dispositivos da Samsung do mercado norte-americano. A Apple, no entanto, espera conseguir conquistar o tribunal argumentando que a presença destes aparelhos prejudicou a venda de seus dispositivos e que merece uma compensação milionária por isso.

Fonte: Reuters

Fonte: http://www.reuters.com/article/apple-samsung-demand-idUSKBN0U71JN20151225

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.