Apple pode oferecer empréstimo para consumidores comprarem seus produtos nos EUA

Por Redação | 07 de Fevereiro de 2018 às 15h27
photo_camera Reprodução
TUDO SOBRE

Apple

Apesar de os produtos da Apple chegarem ao Brasil a preços exorbitantes, não é somente por aqui que os dispositivos custam "o olho da cara". Mesmo nos Estados Unidos, berço da companhia de Cupertino, seus produtos têm preços mais elevados do que a concorrência, e, por conta disso, usar um MacBook ou um Apple Watch acaba se tornando símbolo de status.

Para tentar fazer com quem um maior número de consumidores consiga adquirir seus produtos, a Apple está negociando com o Goldman Sachs uma parceria para que, juntas, ofereçam empréstimos financeiros aos clientes que quiserem comprar produtos da Maçã. Isso porque, atualmente, a maioria dos clientes acabam parcelando suas compras no cartão de crédito, que apresenta altas taxas de juros. A ideia é que os empréstimos sejam mais vantajosos para o consumidor.

Caso a parceria seja firmada, será possível, nos Estados Unidos, fazer um empréstimo de US$ 999 para comprar o iPhone X, ou de US$ 4.999 para o iMac Pro, apesar de que pode ser improvável que a empresa forneça empréstimos de valores menores, para comprar aparelhos mais baratos, como o iPhone SE, por exemplo. Sendo assim, a Apple estaria, na verdade, objetivando aumentar as vendas de seus aparelhos topo de linha, somente.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: WSJ

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.