Apple nega planos para fabricar equipamentos de data centers nos EUA

Por Redação | 11 de Janeiro de 2017 às 11h51

Ao contrário do que reportou o site Business Insider na terça-feira, 10, a Apple negou que pretende usar sua unidade de Mesa, no Arizona, para fabricar produtos nos Estados Unidos. Um documento publicado na semana passada no Federal Register indicava que a empresa planejava produzir servidores e equipamentos de data centers para seus outros escritórios e centros de dados espalhados pelo país.

A Maçã afirmou que pediu a renovação do seu estatuto especial de comércio da zona do estrangeiro, mas enfatizou que não pretende fabricar produtos no local. Na verdade, sua intenção é que as instalações se tornem um hub de comando global para suas operações de data center.

A renovação do estatuto especial será destinada para manter certos benefícios de distribuição e logísticos, ao invés de permitir que a empresa expanda sua capacidade de fabricação nos Estados Unidos.

A Apple também observou que 33 estados diferentes dos EUA contribuem para a fabricação de seus produto e que trabalha com 8 mil fornecedores com sede no país como parte de sua cadeia de suprimentos global de fabricação, a qual gera mais de 360 mil empregos nos EUA.

Fonte: TechCrunch

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.