Apple lidera lista do Greenpeace de empresas com "energia limpa"

Por Redação | 13.05.2015 às 18:25

O Greenpeace divulgou um relatório com a classificação das maiores empresas de tecnologia do mundo em relação à sustentabilidade ambiental e à utilização de energias renováveis. Entre todas as empresas que aparecem na lista, somente a Apple conseguiu nota máxima no quesito de energia totalmente limpa.

Recentemente, a companhia de Cupertino criou uma iniciativa ambiental para as indústrias chinesas. Além disso, a empresa tem realizado vários esforços para promover a utilização de energia renovável e apoiar o meio ambiente.

No ano passado, a Apple anunciou vários planos para utilizar fazendas de energia renovável em suas instalações. O objetivo é se tornar a primeira grande empresa do mundo a ser movida apenas através desse tipo de energia. Também, a companhia liderada por Tim Cook começou a trabalhar em dois data centers movidos a energia solar na Irlanda e na Dinamarca.

O relatório "Clicking Clean" do Greenpeace revela que a Apple obteve as melhores notas em 4 critérios avaliados pela ONG. Além disso, foi constatado que praticamente toda a fonte de energia da companhia é obtida por energia renovável, dispensando as fontes oriundas de gás natural, carvão e energia nuclear.

Energia solar

Fazendas estão abrigando fontes de energia solar para data centers da Apple na Irlanda e Dinamarca

Ainda que em menor grau, outras empresas também foram consideradas "companhias verdes" pelo Greenpeace. São os casos do Yahoo, Facebook e Google, que também obtiveram boas notas nos critérios avaliados e utilizam considerável quantidade de energia renovável em suas instalações.

O Facebook foi mencionado pela ONG por ter apresentado "melhorias radicais na transparência e nos esforços em proporcionar investimento em energia eólica de maneira significativa". Quanto ao Google, o Greenpeace ressaltou a importância da companhia como "líder no setor de implantação de energias renováveis".

Empresas como Microsoft, IBM, Amazon, eBay e Oracle, porém, foram qualificadas como contaminantes em maior ou menor grau. A companhia de Redmond, por exemplo, obteve nota "C" em todos os critérios, além de utilizar 30% de sua energia oriunda do carvão.

Relatório do Greenpeace

Fonte: Greenpeace

Fonte: http://www.businessinsider.com/greenpeace-names-apple-top-green-tech-internet-company-2015-5