Apple começa a efetuar reparos de iPhones fora das lojas para economizar tempo

Por Redação | 27 de Outubro de 2015 às 08h14

As lojas oficiais da Apple estão presentes em 18 países e as vendas de iPhones, iPads, Macs, entre outros produtos com a maçã mordida não param de crescer. Agora, o plano da empresa é mudar algumas práticas em relação aos reparos dos iPhones dos modelos mais recentes: 6, 6 Plus, 6s e 6s Plus.

Algumas Apple Retail Stores dos Estados Unidos, Europa e Japão começarão, a partir desta semana, a enviar os aparelhos para reparos fora das lojas. Os consertos devem ser realizados entre três e cinco dias, mas para que o cliente não fique sem celular durante o período ele recebe emprestado um iPhone 6 de 16 GB.

Apesar disso, não serão todos os casos que devem receber este tipo de tratamento. Para que o aparelho seja reparado fora da loja, ele precisa estar com os seguintes problemas: não conseguir se conectar ao iTunes; não ligar; ou estar travado com a logo da Apple na tela.

A decisão da Apple se dá, basicamente, pela demora do reparo e o tempo perdido pelos Genius. Os empregados da companhia da Maçã dizem que um novo sistema automatizado vai determinar se o dispositivo necessita de conserto dentro da loja ou não, tirando a responsabilidade do atendente.

Fonte: 9to5Mac

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.