Após escândalo, Toshiba precisa de novo empréstimo de US$ 2,5 bilhões

Por Redação | 30 de Dezembro de 2015 às 16h17

A Toshiba anunciou nesta quarta-feira (30) que está buscando uma nova linha de crédito de US$ 2,5 bilhões (cerca de R$ 10 bilhões) para arcar com os custos causados pelo escândalo de fraude contábil que atingiu a empresa em julho deste ano.

O escândalo tem causado um impacto pesado nas operações da japonesa, que precisou realizar cortes e vender ativos para cobrir os custos causados pelo incidente. De acordo com a porta-voz da organização, Yuu Takase, a Toshiba planeja pedir o empréstio até o final de janeiro. Esse será o segundo empréstimo tomado pela companhia em três meses - em setembro, a empresa já havia recebido uma linha de crédito de mais de US$ 3 bilhões (R$ 12 bilhões).

Mesmo com o prejuízo anual de US$ 4,5 bilhões (R$ 18 bilhões) anunciado na semana passada, a empresa precisa do novo empréstimo para honrar com os custos de reorganização da sua estrutura que seguiu a deflagração do escândalo, que incluiu o corte de funcionários e uma revisão do negócio de televisões e PCs.

Fonte: Bloomberg

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.