Apesar do fiasco do Note7, Samsung divulga alta de 50% nos lucros

Por Redação | 24.01.2017 às 07:11

A Samsung divulgou nesta terça-feira (24) os resultados financeiros referentes ao seu quarto trimestre fiscal, finalizado em dezembro. E apesar dos problemas apresentados pelo Galaxy Note7, a fabricante sul-coreana de smartphones reportou uma alta de 50,2% em seus lucros.

Falando em cifras, a Samsung lucrou o equivalente a US$ 7,93 bilhões, o maior valor já registrado pela companhia em três anos. No relatório financeiro, ela destacou que os "componentes, principalmente as memórias e os painéis de visualização" e a alta do dólar foram os principais responsáveis por catapultar as contas.

Os números surpreendem, principalmente se levarmos em consideração que o Galaxy Note7 não foi o único problema que a Samsung teve de enfrentar publicamente nos últimos meses. Destituída pelo Parlamento da Coreia do Sul sob suspeitas de corrupção, a presidente do país Park Guen-Hye acabou lançando luzes sobre possíveis ligações de cinco executivos de alto escalão da companhia, entre eles Lee Jae-Yong, vice-presidente da Samsung e herdeiro dos negócios.

Jae-Yong inclusive chegou a ser interrogado pela Justiça e teve uma ordem de prisão pedida pelo Ministério Público do país. Embora o tribunal tenha rejeitado o pedido, o estrago à imagem da corporação já havia sido feito. "Se um dos líderes do grupo realmente for declarado culpado, haverá um vácuo de liderança e isso representa um grande risco", afirmou C.J. Heo, gerente do fundo de investimentos Alpha Asset Management.

Leia também:

Fonte: Bussiness Insider