América Latina deve crescer 50% a mais que restante do mundo para ClickSoftware

Por Redação | 21 de Setembro de 2016 às 16h09

Apesar do momento de instabilidade econômica de vários países da região, a empresa de soluções para serviços de campo ClickSoftware prevê um potencial grande para a ampliação da operação na América Latina: no ano que vem, os negócios da companhia deverão crescer até 50% a mais nos mercados locais do que sua média mundial.

Em visita ao Brasil, o Diretor de Marketing de Produtos da ClickSoftware, James Delande, afirmou que a região traz uma importância estratégica para empresa, já que a baixa maturidade do mercado no uso de soluções de automação de prestação de serviço em campo abre espaço para novas oportunidades para a companhia por aqui.

"Globalmente, temos tido grande sucesso em países que atravessam dificuldades econômicas, uma vez que nossas soluções auxiliam as companhias prestadoras de serviço, a superarem a recessão por meio do aumento da produtividade, redução de custos e melhoria no atendimento e satisfação do cliente", comentou o executivo. "No Brasil, o cenário não é diferente”.

Neste ano, a companhia fechou seu maior negócio global no Brasil, com a operadora Oi, em um projeto que envolveu o fornecimento de soluções para 40 mil técnicos de campo. Argentina, México e Colômbia também são considerados mercados prioritários na região, com oportunidades nos setores de telecomunicações, seguros e prestadoras de serviços de infraestrutura, como energia.

A ClickSoftware deverá focar sua estratégia na oferta de sua plataforma de gerenciamento de serviços em campo, que utiliza recursos de inteligência artificial e Internet das Coisas (IoT) integrados a dispositivos móveis. A empresa estima um potencial de ganhos de produtividade de cerca de 30% e de redução de custos de 40% para clientes com a adoção de suas soluções.

“A evolução do setor de serviços em campo no Brasil passa pela necessidade de um maior amadurecimento, da conscientização da importância da fidelização dos clientes e, principalmente, da visão de que o bom serviço prestado é uma vantagem competitiva,” afirmou Delande.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!