Amazon lança o Music Unlimited, seu serviço de streaming musical

Por Redação | 13.10.2016 às 10:11

Os rumores eram verdadeiros e a Amazon anunciou nesta quarta-feira (12) o lançamento do Music Unlimited, seu serviço de streaming musical próprio para concorrer com Spotify, Apple Music e outros.

Preços agressivos será a estratégia adotada pela companhia para fazer frente aos rivais. Nos Estados Unidos, ele custará apenas US$ 3,99 para quem já tem um Echo; assinantes do Prime pagarão apenas US$ 7,99, enquanto não-assinantes pagarão o valor cheio de US$ 9,99 - que é o preço padrão praticado no país.

As tarifas diferenciadas encorajam não só a assinatura do serviço por quem já paga a anuidade do Prime, que oferece frete expresso gratuito nas compras no site, como também incentivam os usuários a adquirirem um Echo, que ganhou uma versão menor e mais barata, chamada de Echo Dot.

"A primeira fase de crescimento [dos serviços de streaming de música] foi impulsionada quase que totalmente por smartphones", disse Steve Boom, presidente da Amazon Music, em entrevista à Reuters. "Acreditamos que a próxima fase de crescimento virá de dentro da casa".

A fala do executivo demonstra que a varejista está apostando pesado na dobradinha plataforma de streaming + alto-falantes domésticos. "Estamos nos afastando da abordagem 'um tamanho serve para todos'. A gente é quem está forçando mais isso", disse ao explicar que os preços propostos expandirão os limites do mercado.

Apesar do otimismo, o executivo não arriscou projetar quantos usuários o serviço conseguirá angariar nos próximos meses, mas é certo que o desafio será gigantesco. Atualmente, seus principais concorrentes, Spotify e Apple Music, têm cerca de 45 milhões de usuários juntos. Quantos deles migrarão para o Amazon Music Unlimited, só o tempo dirá.

Via Reuters