Amazon deve lançar um novo serviço de streaming de música

Por Redação | 23 de Agosto de 2016 às 12h38
TUDO SOBRE

Amazon

A Amazon está trabalhando em um novo serviço de streaming de músicas com duas versões: uma para assinantes e outra para donos do Echo, um alto-falante com design cilíndrico com comando de voz. A estratégia da gigante do varejo é entrar no concorrido mercado de empresas que oferecem o mesmo serviço, com Apple, Google e Spotify.

No caso do Echo, o serviço custará apenas US$ 5 por mês, enquanto a assinatura tradicional será comercializada por US$ 10. De acordo com fontes ligadas à indústria de streaming, a Amazon está preparando o lançamento de ambos os serviços para setembro, ainda que não exista nenhuma confirmação oficial da empresa. Segundo as informações conhecidas, a Amazon ainda não fechou todos os acordos com gravadoras e empresas para oferecer um vasto catálogo de músicas aos seus usuários.

Atualmente a Amazon já conta com um serviço de streaming de música, o Amazon Music, que está disponível apenas para os assinantes do Amazon Prime e possui um catálogo limitado de músicas. Assim, a empresa viu a necessidade de lançar um novo serviço mais acessível e que ofereça um catálogo mais amplo e variado para concorrer de igual com os demais serviços disponíveis no mercado. A única surpresa na estratégia da Amazon é optar por lançar um serviço exclusivo para o Echo, o que talvez signifique que a empresa deseja aumentar as vendas do dispositivo ao vincular este novo atrativo.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Uma grande parte dos assinantes de streaming de música buscam formas de ouvir suas faixas preferidas em qualquer lugar e de maneira prática utilizando seus dispositivos móveis conectados com outros aparelhos. O serviço da Amazon ligado ao Echo deve chegar para atender justamente a este público, com o atrativo de contar com uma assinatura mais barata. No entanto, resta saber se a estratégia da gigante do varejo americano funcionará, seja para alavancar as vendas do Echo ou para se tornar um forte concorrente do disputado mercado de streaming de músicas.

Fonte: Recode

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.