Amazon cede edifício temporariamente para famílias desabrigadas em Seatlle

Por Redação | 15 de Abril de 2016 às 08h20
Tudo sobre

Amazon

A Amazon anunciou uma parceria com a organização não governamental de Seatlle Mary's Place para abrigar famílias que estão sem moradia. A gigante do varejo está oferecendo, a partir da próxima segunda-feira (18), um prédio vazio de sua propriedade como refúgio temporário para 200 pessoas desabrigadas .

O edifício era originalmente um hotel e mais recentemente serviu de moradia para estudantes da Cornish College of the Arts. A aquisição da propriedade pela Amazon se deu em 2014, e o objetivo é demolir a construção em 2017 para transformá-la em mais um ambiente corporativo da companhia.

A iniciativa se deu por conta de um alerta de estado de emergência do prefeito Ed Murray sobre a situação de pessoas sem teto na cidade, e como a construção do novo prédio só acontecerá daqui um ano, a Amazon quis investir no auxílio à sua cidade natal. "Ao longo dos últimos meses, temos trabalhado com o gabinete do prefeito Ed Murray e com a Mary's Place. Vimos uma oportunidade única para ajudar centenas de mulheres, crianças e famílias sem abrigo", declarou a companhia.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Essa decisão faz parte de um recente ativismo da Amazon para auxiliar no desenvolvimento da cidade, que sofreu um aumento de 19% no número de desabrigados desde o ano passado. Sobre o auxílio da companhia, o prefeito Ed Murray afirmou em entrevista que o problema da cidade deve ser resolvido em parceria, já que nem o poder público, tampouco organizações não governamentais, têm condições de tomar a frente das dificuldades de forma independente.

Durante o período de um ano, o prédio servirá como abrigo para entre 60 e 70 famílias, incluindo animais de estimação em alguns casos. Cada família terá seu próprio quarto com banheiro, e contará com duas salas de estar e cozinha em comum, além de um salão de jogos para as crianças. Outras empresas estão ajudando no processo de mudança das famílias doando móveis, roupas de cama e outros utensílios para casa. A Amazon espera ter outro imóvel para abrigar as pessoas ao fim deste período de um ano.

Fonte: CNN

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.