Ações da Alphabet batem recorde diante de análises positivas do Pixel

Por Redação | 19 de Outubro de 2016 às 07h52

A recepção positiva dos smartphones Pixel pela crítica deixou os investidores da Alphabet rindo à toa. Também não é para menos. Nesta terça-feira (19), as ações da empresa mãe do Google fecharam o pregão de Nova Iorque valendo US$ 821,49 cada - uma alta de US$ 7,28 em relação aos US$ 814,21 que abriram as atividades.

Em sua análise, o famoso jornalista Walt Mossberg disse que o aparelho é "facilmente o melhor" Android que ele já pôde testar. Ele também rasgou elogios ao Assistant e o sistema de câmeras do aparelho, mas considerou a autonomia da bateria como um dos pontos fracos do dispositivo. Já para Darrell Etherington, do TechCrunch, o ponto alto dos novos smartphones é a câmera, que oferece "uma experiência de foto e vídeo formidável". Apesar disso, ele julga que a Apple e o iPhone 7 ainda capturam melhor as cores.

Além dos dois jornalistas, vários reviews surgiram na web ontem e, no geral, falaram muito bem dos Pixel. Oficialmente, os aparelhos só começarão a chegar ao público nesta quinta-feira, dia 20, e aí sim teremos uma noção de como será sua recepção, se ele venderá bem e, principalmente, se renderá lucro para o Google.

A julgar pela alta das ações, que chegaram a valer incríveis US$ 828,81 num determinado momento do pregão de ontem, os investidores estão animados e confiantes de que tudo vai dar certo. E para você? Será que o Pixel decola de vez ou vai ficar restrito a um nicho como ficou os Nexus?

Via Bloomberg

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.