Vazam mais detalhes sobre recursos do Spartan, o novo navegador da Microsoft

Por Redação | 08 de Janeiro de 2015 às 18h21
photo_camera Divulgação

A Microsoft quer voltar a ser competitiva no mercado de navegadores e deve aproveitar o lançamento do sistema operacional Windows 10 para tentar emplacar o Spartan, browser que vem para substituir o já decadente Internet Explorer.

Nesta semana, já haviam vazado mais detalhes sobre a novidade, como a possibilidade de uso de reconhecimento vocal e múltiplos navegadores no Spartan. Agora, o Verge também afirma que, além de ferramentas populares dos rivais, a exemplo de Chrome e Firefox, o navegador da Microsoft virá com um estilizado serviço de anotações de páginas de web.

Com ele, será possível "recortar" informações e utilizar o suporte da nuvem OneDrive para armazenar o conteúdo, que poderá ser acessado por qualquer navegador, em múltiplas plataformas. A ideia é capitalizar esses dados em ambiente cooperativo.

Como dito anteriormente, o reconhecimento vocal será uma importante ferramenta e mais informações foram reveladas a respeito. A Microsoft terá a assistente virtual Cortana como base para informações de viagens, como voos, reserva de quartos de hotel, rastreamento de bagagem e outras utilidades.

Ao utilizar a Cortana para viajar, bastará, por exemplo, o usuário procurar por "American Airlines" para o Spartan exibir voos rastreados automaticamente e o status de cada um. A assistente virtual também poderá ser acessada diretamente da nova aba do navegador. A Microsoft pretende substituir todas as ocorrências via Bing do Internet Explorer pela Cortana.

O Spartan também inclui uma funcionalidade que permite agrupar guias de uma forma menos confusa que a maioria dos browsers atuais. Será possível reunir as abas da maneira que o usuário preferir, dividindo assim as de uso pessoal com as de uso profissional. Entre outras características, há também a possibilidade do navegador vir com temas customizados.

Até agora, sabe-se que o Spartan vem sendo projetado para ser um navegador multiplataforma, entre PCs, tablets e smartphones. A novidade deve vir como aplicativo da Windows Store, com atualizações constantes. O Internet Explorer ainda deve vir com o Windows 10 e permanecer ativo, entretanto, isso deve-se mais a razões de compatibilidade. O Spartan será o principal browser do novo sistema operacional.

Além do que já foi dito, sabe-se também que o Spartan deve liderar uma nova identidade visual, bem menos carregada que a do Internet Explorer. Até o momento, a Microsoft não comenta essas informações e deve apresentar os recursos do navegador em evento que será realizado no dia 21 deste mês.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.