Steve Ballmer não sabe até quando ficará na Microsoft

Por Redação | 25 de Março de 2014 às 12h35

Após 14 anos à frente da Microsoft e 33 anos trabalhando na empresa, o ex-CEO Steve Ballmer afirmou em entrevista que pode não passar o restante de sua vida na empresa de Redmond. Ele, que é o segundo maior acionista individual da companhia e conta com 4% de participação, disse que vai aproveitar o tempo livre e sua posição de membro da diretoria para repensar a vida e se apaixonar por coisas novas.

As declarações foram feitas ao Wall Street Journal, a quem ele revelou como está sendo o trabalho “pós-presidência”. Segundo Ballmer, ser um diretor da empresa é bem diferente e, na primeira reunião que participou neste novo cargo, ele diz ter ficado bem mais quieto que o normal, ouvindo mais e falando menos.

Contudo, agora o foco de Ballmer parece ser outro. Ele diz estar ansioso para seus primeiros dias de folga depois de 14 anos e avisa que não deve ser visto por aí apenas descansando ou jogando golfe. Segundo ele, o tempo livre será utilizado para encontrar novas paixões e repensar o seu futuro.

Então, para o antigo CEO da Microsoft, tudo está em aberto. E ele parece confiante na capacidade de Satya Nadella, seu sucessor. Para Ballmer, o novo presidente da empresa está realizando um ótimo trabalho à frente de sua “criança”, como ele sempre chamou a companhia.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.