Sony quer auxiliar os desenvolvedores independentes brasileiros

Por Felipe Santana Felix | 08 de Maio de 2013 às 10h59
photo_camera Playstation 3

Em coletiva realizada ontem (7), a Sony não só anunciou a manufatura de seu console atual, PS3, no Brasil, como também informou a todos que o projeto de Development Incubation estará disponível para os profissionais brasileiros dentro de alguns meses. A empresa anunciou ainda um investimento de 300 milhões em nosso país nos próximos 12 meses e mostrou em letras garrafais a vinda de seu projeto de incubadoras de desenvolvimento.

Mark Stanley, General Manager LATAM da empresa, disse para o Canaltech que o Development Incubation não é um estúdio de desenvolvimento para plataformas da Sony e sim um projeto da empresa, muito bem sacramentado em outros países, que visa auxiliar os desenvolvedores independentes a criar para as plataformas Playstation.

O executivo afirmou que esta não é uma empreitada com prazo para dar certo e que sua implementação será feita em algumas fases. Segundo ele, antes de mais nada, a Sony pretende apresentar as ferramentas de desenvolvimento de suas plataformas, assim, os desenvolvedores brasileiros podem conhecer melhor o ambiente SDK e adquirir mais "know-how" em relação às plataformas PS. Mark também se sentiu satisfeito em informar que com o lançamento simultâneo do PS4 no Brasil este ano os desenvolvedores terão acesso mais rápido à nova plataforma que, segundo ele, é extremamente mais amigável que a PS3 por ter uma estrutura de PC.

Após este auxilio com as "tools", vem a parte de suporte aos desenvolvedores. A Sony pretende fornecer auxilio tanto na parte de desenvolvimento, aproximando os desenvolvedores brasileiros dos demais parceiros da empresa, como na parte de publicação. Para Mark, colocar um jogo na "rua" é uma das etapas mais complicadas, e a Sony quer auxiliar os desenvolvedores independentes neste processo.

Outra observação feita pelo profissional é a de que a Sony espera, em alguma etapa do projeto, realizar parcerias com universidades ou escolas de graduação digital para que profissionais de estúdios parceiros da empresa venham ministrar cursos ou dar palestras, assim o Development Incubation poderá se expandir até mesmo nos núcleos de formação brasileiros, o que seria uma conquista não só para a empresa japonesa mas para todos os que desejam viver de desenvolvimento de games.

Vale lembrar que este projeto é responsável por auxiliar desenvolvimentos de ótimos jogos como o The Journey, além do divertido — e educativo — Papo & Yo.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.