Sony Pictures pode perder US$ 100 milhões depois de ciberataque

Por Redação | 10 de Dezembro de 2014 às 15h27
photo_camera Foto: Divulgação

A Sony Pictures não está passando por um bom momento financeiro. A empresa deve enfrentar o gasto de milhões de dólares depois de sofrer um crime virtual que atingiu as suas operações e que causou a exposição de dados sensíveis, como senhas, roteiros e documentos importantes.

De acordo com informações da Folha, estão inclusos nos custos a investigação completa do caso, a manutenção, ou talvez a substituição da sua rede de computadores, além do investimento em medidas para evitar que as invasões aconteçam novamente. Outro fator que prejudicou a Sony foi a falta de produtividade durante o ocorrido.

Segundo Jim Lewis, funcionário sênior do Centro para Estudos Estratégicos e Internacionais da Sony, o ciberataque já é considerado o mais perigoso dentre todo o território norte-americano e o gasto estimado é de aproximadamente US$ 100 milhões. Ele ainda afirma que são necessários, ao menos, seis meses para descobrir qual o número total do prejuízo que os hackers podem ter causado. A empresa ainda não divulgou nota oficial sobre esses valores.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.