Sete certificações de segurança para melhorar suas credenciais em TI

Por Redação | 22 de Agosto de 2013 às 13h29

As certificações de TI determinam habilidades específicas e exigem que os candidatos realizem exames para recebê-las. Ao obtê-las, o candidato pode requisitar um maior salário, principalmente no setor de segurança, e por isso a demanda por esse tipo de teste não para de crescer. Os dados são de um novo relatório da Foote Partners divulgado pelo site CIO.

O relatório em questão é baseado no acompanhamento da demanda de uma ampla gama de habilidades relacionadas à Tecnologia da Informação em 2.496 empresas do setor público e privado dos Estados Unidos e Canadá, levando em conta um total de 151.864 profissionais de TI.

Os resultados da pesquisa apontaram que, no segundo trimestre de 2013, sete certificações de segurança de TI ganharam 10% ou mais em valor de mercado e em termos de demanda em relação ao trimestre anterior. Vale lembrar que a obtenção de certificações em TI normalmente significa um aumento na remuneração do profissional.

A Foote Partners acompanhou 61 diferentes tipos de certificações de segurança de TI e, ao longo dos últimos três meses, descobriu que cinco dos sete certificados mais quentes do momento são produzidos pela Global Information Assurance Certification (GIAC). A GIAC é uma entidade de certificação de segurança de informação especializada em certificação técnica e prática fundada pelo SANS Institute. As cinco certificações da GIAC que ganharam destaque na pesquisa são:

  • Certified Incident Handler: proporciona aos profissionais maior aceitação na indústria para lidar com incidentes de segurança e administrar riscos. Sua demanda disparou 22,2%, e essa certificação geralmente se traduz em um bônus de 1% a 2% no pagamento do profissional certificado.
  • Certified Firewall Analyst: abrange competências e habilidades para projetar, configurar e monitorar roteadores, firewalls e perímetros de defesa. Sua demanda subiu 20%.
  • Certified Forensics Examiner: abrange competências em informática forense. Demanda cresceu 16,7%.
  • Certified Intrusion Analyst: prepara o profissional para configurar, monitorar e ler sistemas de detecção de invasão. Demanda subiu 10%.
  • Certified Forensics Analyst: prepara para utilizar técnicas de análise forense para resolver problemas de TI. Demanda subiu 10%.

As duas outras certificações de segurança em TI que foram consideradas valiosas em termo de aumento salarial durante os últimos três meses são: Certified Wireless Security Professional CNWP, com um aumento de 16%, e Infosys Security Engineering Professional, com 10%.

A primeira é uma certificação de nível avançado que mede a capacidade de proteger qualquer rede sem fio., enquanto a segunda; conhecida como certificação (ISSEP/CISSP); reconhece engenharia de segurança avançada e foi projetada pelo ISC2 em parceria com a Agência de Segurança Nacional norte-americana (NSA).

Entenda a real importância da certificação para os profissionais de TI

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.