Samsung reduz pedidos do Galaxy S4 em 50% para o mês de julho

Por Redação | 20 de Junho de 2013 às 11h52

Muitos analistas têm previsto que a liderança da Samsung no mercado de dispositivos móveis pode estar com os dias contados e que seu desempenho em vendas está sendo reduzido. Segundo informações do ETNews, essa realidade está mais próxima do que era esperado e a empresa sul-coreana teria reduzido em 50% seus pedidos de componentes para a montagem do Galaxy S4 para o mês de julho para 6,5 milhões de unidades do aparelho.

Para ter uma ideia da redução, em abril, foram pedidas 10 milhões de unidades do S4, enquanto em maio este número aumentou para 12,2 milhões de unidades. Logo após seu lançamento, a Samsung estava muito otimista com os resultados do Galaxy S4, vendendo 4 milhões de unidades no primeiro final de semana e 10 milhões em menos de trinta dias, quebrando os recordes anteriores da própria empresa.

Passado o entusiasmo inicial com o Galaxy S4, as vendas do dispositivo foram reduzindo substancial e inesperadamente, fazendo com que os estoques começassem a acumular. Agora, a empresa está respondendo pela redução de pedidos globais do aparelho, em média, de 10% a 15% ao mês, e acredita-se que a companhia planeja aposentar o Galaxy SIII mais cedo, já que ele seria o responsável por abocanhar parte do mercado do seu mais novo irmão de linha.

Os lançamentos constantes de novos aparelhos não têm contribuído muito para melhorar a situação da Samsung, já que muitos investidores têm certo receio com relação aos lucros da empresa, principalmente, com o aumento da venda de smartphones de baixo custo e a diminuição do comércio dos aparelhos topo de linha, podendo comprometer as margens da empresa. Este cenário fez com que recentemente a companhia perdesse US$ 12 bilhões (R$ 26,8 bilhões) em seu valor de mercado.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.