Samsung planeja lançar celulares com internet móvel 5G em 2020

Por Redação | 29 de Outubro de 2014 às 17h57
photo_camera Divulgação

Enquanto o Brasil se prepara para expandir os serviços de internet móvel de quarta geração, algumas empresas em outros países já estão com os olhos em tecnologias do futuro que irão garantir velocidades de conexão ultrarrápidas. Uma dessas companhias é a Samsung, que divulgou um vídeo nesta segunda-feira (27) para mostrar os avanços alcançados com a rede móvel de quinta geração, o 5G.

Ao longo do clipe, engenheiros da fabricante sul-coreana explicam como está sendo possível criar diversas situações para testar a transferência de dados usando o 5G. Esse tipo de conexão é baseado em faixas com maior alcance do espectro de radiofrequência, em um campo de pesquisas denominado pelos especialistas como "ondas milimétricas". Inclusive, o uso dessas "ondas" foi tema de um dos fóruns da União Internacional de Telecomunicações (UIT) em 2012.

Para simplifcar todo o processo, a Samsung afirma que o "5G é um sistema de comunicação móvel em que os pesquisadores ao redor do mundo estão trabalhando com o objetivo de introduzí-lo em 2020". "É um sistema que garante pelo menos 1 Gbps de velocidade de conexão para todos em qualquer lugar e a qualquer hora", destaca Yongnam Han, professor de engenharia elétrica do centro de pesquisa sul-coreano KAIST, que trabalha com a dona da marca Galaxy.

Jeongho Park, outro engenheiro do centro de pesquisas da Samsung, afirma que o aumento do tráfego de dados móveis e o crescimento estrondoso no número de dispositivos portáteis fará a capacidade do 4G chegar ao seu limite. Estas são as duas razões principais pelas quais o 5G já está sendo desenvolvido e seu lançamento previsto para daqui cerca de cinco anos. Até lá, os cientistas esperam aprimorar ainda mais o desempenho da tecnologia.

"Conforme planejamos o uso comercial em dispositivos para 2020, nós nos preparamos para demonstrar um serviço piloto nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018, em Pyeong Chang", disse Han. Segundo o engenheiro, os visitantes que comparecerem ao evento poderão ver hologramas em 3D das competições em tempo real por meio de seus smartphones. Tudo graças às altas velocidades da internet 5G.

Assista ao vídeo (com legendas em inglês):

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!