Samsung estaria preparando versão premium do Galaxy S5

Por Redação | 22.04.2014 às 13:39
photo_camera Divulgação

Uma nova rodada de informações vazadas indicam que, entre os celulares “irmãos” do Samsung Galaxy S5, estará uma versão premium do aparelho. Dados revelados pelo site SamMobile indicam que a empresa pode optar por lançar uma nova edição do aparelho em breve, fazendo mudanças em seu hardware e utilizando um display com resolução QHD.

Chamado de “projeto K”, o modelo com tela de 1440 x 2560 pixels de resolução teria sido, inclusive, cogitado antes mesmo da chegada do Galaxy S5 às lojas. Problemas na linha de produção e a necessidade de lançar um modelo mais barato, porém, teriam feito a Samsung optar pela tradicional resolução Full HD que chegou ao mercado no início do mês.

Ainda assim, a ideia continuou presente dentro da empresa que, ao que tudo indica, agora estaria se preparando para liberar uma edição repaginada no futuro próximo. Além da tela aprimorada, o novo modelo também traria o processador Exynos, da própria Samsung, pelo menos em alguns mercados da Ásia, incluindo a Coreia do Sul, que é a casa da fabricante.

Segundo outros boatos, o Galaxy S5 Premium pode chegar ao mercado com o Exynos 5430, com quatro núcleos Cortex-A15 rodando a 2,1 GHz, além de mais quatro Cortex-A7 somando 1,7 GHz. A GPU é de 600 MHz, da ARM, com sistemas adicionais para garantir o funcionamento perfeito da tela com maior quantidade de pixels.

Todo esse poder é necessário para entregar o alto potencial visual que um aparelho com tela QHD necessita. De acordo com os boatos, o processador contaria também com um sistema proprietário de compressão de vídeos que suportaria até mesmo resoluções 8K, além de processadores de áudio e funções que auxiliariam o funcionamento perfeito do celular.

A ideia, porém, é que essa versão chegue apenas ao mercado asiático, já que a Samsung vem, há tempos, testando a aceitação e funcionamento de seus processadores principalmente na Coreia do Sul. Para outros territórios, se houver lançamento, a opção seria o Snapdragon 850 ou modelos semelhantes da Qualcomm.

Outra mudança aconteceria no modem, com a Samsung utilizando, pela primeira vez, um dispositivo da Intel para conectividade LTE. Nesse aspecto, no entanto, também haveria uma diferença para a versão sul-coreana do aparelho, que também contaria com uma versão proprietária da marca, o chip Shannon 300.

Todas essas mudanças também podem ser aplicadas em um novo tablet da marca, que chegaria ao mercado com configurações bastante semelhantes às do Galaxy S5 Premium. A diferença, claro, está no tamanho da tela, mas a Samsung também estaria disposta a entregar a mesma experiência, poder de processamento e resolução neste tipo de dispositivo.

De acordo com o SamMobile, esses seriam os movimentos da Samsung para contra-atacar o LG G3, seu próximo grande rival no mercado mundial. A ideia é rebater a presença de uma tela QHD não apenas com um display semelhante, mas também um poder de processamento maior que, se forem sucesso, podem acabar se tornando a tônica dos lançamentos da marca daqui em diante. Por enquanto, porém, nada foi confirmado.