Samsung atrasa lançamento de nova geração de produtos inteligentes

Por Redação | 03.04.2015 às 14:34

Quem estava aguardando ansiosamente a nova geração de produtos da SmartThings após a aquisição da empresa pela Samsung em agosto de 2014 vai ter que esperar mais um pouco. Embora a sul-coreana tenha feito um esforço em janeiro deste ano e colocado algumas novidades no mercado da Internet das Coisas, os novos produtos de automação que estavam prometidos para este mês de abril tiveram seus lançamentos adiados.

Era esperado que a empresa lançasse uma nova geração de produtos para casas inteligentes, como concentradores (hubs) e sensores em abril, mas a Samsung não deve avançar muito no mercado de produtos para Internet das Coisas até o 3º trimestre de 2015. De acordo com a sul-coreana, a segunda geração de Hubs ainda não está pronta para ser lançada, mas a empresa afirma estar "trabalhando incessantemente para chegar ao nível de experiência necessário".

A promessa da SmartThings é lançar um novo concentrador mais rápido e, principalmente, que não dependa de armazenamento na nuvem para funcionar - ou seja, um dispositivo que rode os apps de uma casa inteligente no próprio local. Outra ideia da empresa é também adicionar à nova geração produtos com baterias, para que funcionem sem energia elétrica se necessário.

Internet das Coisas

Tema mais falado na CES 2015, a Internet das Coisas é uma das mais promissoras apostas das gigantes da tecnologia como LG, Qualcomm e Samsung para o futuro próximo. A ideia é basicamente conectar vários objetos do dia-a-dia à internet, e torná-los interativos e interligados uns aos outros. Por exemplo, num ambiente simulado criado pela Samsung no evento, o usuário dá o comando de voz "bom dia" e, automaticamente, as cortinas se abrem, a lâmpada apaga e a cafeteira começa a funcionar.

É verdade que ainda há muita discussão pela frente, principalmente sobre como conectar os vários dispositivos de uma casa entre si - são muitas marcas diferentes envolvidas - mas a tendência, pelo que ficou claro no maior evento de tecnologia do ano, é que tudo à nossa volta seja gradualmente conectado à internet e aos outros objetos ao redor.

Relembre: tudo sobre a CES 2015

Fonte: Engadget,