[Rumor] Próxima geração de Macbooks Air pode ser 'fanless' e trazer tela Retina

Por Pedro Cipoli | 23.03.2014 às 16:26 - atualizado em 24.03.2014 às 10:41

O Macbook Air é um objeto de desejo de muitos usuários desde a sua primeira geração, mas suas características pouco mudaram conforme o tempo passou. As atualizações feitas pela Apple foram basicamente incrementais, conforme novas gerações de processadores da Intel foram chegando ao mercado. Como benefício adicional, fora o aumento de performance, o Macbook Air foi ganhando cada vez mais autonomia de bateria, em alguns casos chegando a até 13 horas de uso com o OSX Mavericks.

Tanto o seu design quanto a tela permaneceram praticamente inalterados – apenas a série Macbook Pro foi equipada com telas Retina. Isso fazia com que o usuário tivesse que escolher entre o design minimalista e a portabilidabilidade do Air ou a performance e tela Retina do Pro, mas, se o rumor que vimos no Tweaktown estiver certo, a próxima geração resolverá esse problema.

Ao que tudo indica, os novos Macbooks Air, que serão anunciados provavelmente ainda este ano, trarão tela Retina como o Macbook Pro. Mais do que isso: pode ser a primeira geração a vir com um design "fanless", ou seja, sem um sistema de refrigeração ativo com cooler, o que, combinado com o drive SSD padrão desses modelos, fará com que ele não tenha nenhum componente mecânico em seu interior.

Macbook Air

Outro ponto é que a Apple está estudando um modelo de 12 polegadas, cobrindo o gap entre o modelo de 11,6 polegadas e o de 13,3 polegadas, além de provavelmente trazer um trackpad mecânico, com a mesma precisão de um teclado mecânico de boa qualidade. Se a Apple realmente quiser surpreender, pode fazer com que o modelo de 12 polegadas seja não só touchscreen, mas também tenha a tela destacável.

Já imaginou um dual-boot entre OSX e iOS? Estamos divagando aqui, mas isso seria realmente uma excelente surpresa, já que há tempos a Apple recebe críticas por não oferecer uma versão touchscreen de seus Macbooks, além de ser uma alternativa justificável, já que ela recentemente cancelou o seu iPad Pro, que viria com uma tela de 12,9 polegadas, modelo que inclusive fez com que a Samsung se apressasse e colocasse no mercado a sua linha Pro do Galaxy Tab e Galaxy Note.