Resultados preliminares da SAP indicam queda de 17% no lucro operacional de 2012

Por Redação | 16 de Janeiro de 2013 às 14h00

A SAP, produtora alemã de software de gestão e análise de mercado, divulgou nesta terça-feira (15) os dados preliminares do seu lucro operacional ao longo de 2012, incluindo o quarto trimestre. A companhia estima que esse índice fechará o período em 4,06 bilhões de euros (R$ 10,9 bilhões), representando queda de 17% em comparação aos 4,88 bilhões de euros (R$ 13 bilhões) registrados em 2011.

No entanto, os dados preliminares também indicam que a receita da empresa deverá apresentar crescimento de 14%, de 14,2 bilhões de euros (R$ 38 bilhões) do ano passado para 16,2 bilhões de euros (R$ 43,8 bilhões) em 2012. A alemã acredita que a receita anual com venda de assinaturas de serviços de cloud computing irá apresentar aumento de 1.400%, encerrando o período com 270 milhões de euros (R$ 730 milhões) contra os 18 milhões de euros (R$ 48 milhões) registrados no último ano.

Já no mercado de software, a SAP estima que tenha faturado 4,6 bilhões de euros (R$ 12 bilhões) no ano passado, apresentando rendimento menor do que o período de 2011 em 13%. E o total na área de serviços de software deverá ser de 13,1 bilhões de euros (R$ 35 bilhões), 16% a mais do que em 2011.

A companhia também acredita que, em termos regionais, a receita com software será maior em países localizados na Europa, Oriente Médio e África, totalizando 2,01 bilhões de euros (R$ 5,4 bilhões), 8% a mais do que em 2011. No setor de serviços de software, a SAP estima que sua receita poderá ser de 6,1 bilhões de euros (R$ 16 bilhões), crescimento de 10% em comparação ao período anterior. E nas Américas, a receita da empresa com software é estimada em 1,7 bilhão de euros (R$ 4,5 bilhões), 16% maior do que 2011, e a de serviços de software deverá registrar alta de 22%, fechando em 4,8 bilhões (R$ 12,9 bilhões).

Para o quarto trimestre de 2012, a SAP, que irá apresentar seus resultados no dia 23 de janeiro, acredita que terá uma queda de 5% no lucro operacional no período, fechando em 1,5 bilhão de euros (R$ 4,06 bilhões) contra os 1,6 bilhão de euros (R$ 4,3 bilhões) registrados pela empresa no mesmo período em 2011. A receita total, por sua vez, deve crescer 12%, de 4,5 bilhões (R$ 12 bilhões) em 2011 para 5 bilhões de euros (R$ 13,5 bilhões) em 2012.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.