Project Ara do Google está com vagas abertas

Por Redação | 19 de Setembro de 2014 às 12h33

O ambicioso Project Ara do Google já deu o que falar. Com ele o consumidor poderá montar seu próprio smartphone modular, usando componentes de baixo custo. O projeto que parecia um tanto ousado, no entanto, está caminhando e segundo algumas informações estará disponível ao público em 2015. Para realizar tal meta, a equipe ATAP do Google, de tecnologia avançada e produtos, está em busca de especialistas que possam ajudar na expansão do projeto.

Os anúncios de emprego estão no site do Project Ara e foram divulgados pelo Twitter. As vagas, no entanto, não são para quem está começando, mas para altos níveis de chefia dentro da empresa. O Google está procurando um head of product rollout, ou seja, alguém para implantar e coordenar o projeto. Entre as atribuições do cargo estão: regulamentação do produto para diferentes mercados pelo mundo, FCC, coordenadoria de marketing e branding e estabelecimento de redes de varejo e atendimento.

As outras duas vagas abertas são para níveis mais técnicos, mas igualmente avançados. A empresa procura um chefe de relações com desenvolvedores e cadeias de abastecimento, ambas as funções bastante complexas se pensar em um tipo de produto inédito no mercado e que terá um funcionamento bem particular. Por fim, o Project Ara busca um engenheiro-chefe adjunto para ajudar no comando do projeto.

O Project Ara já passou por alguns contratempos dentro da empresa e devido a seu caráter revolucionário, ao mesmo tempo em que esbarra em algumas questões, continua sendo incentivado a entrar no mercado. Mesmo que não tão logo, espera-se que o smartphone modular do Google chegue de fato aos consumidores, até mesmo porque parece improvável que a empresa tenha investido em tais níveis de profissionais se não pretendesse, em breve, colocar seu produto à venda.

Fonte: http://www.projectara.com/recruiting

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.