Presidente da Motorola fala em estratégia de longo prazo para o Moto X

Por Redação | 05 de Setembro de 2014 às 12h39

O presidente e COO da Motorola, Rick Osterloh, está confiante que o smartphone Moto X seja um dos tops do mercado, mesmo que demore dez anos para isso acontecer, afirmou ele durante o lançamento do Moto X e do Moto G nesta quinta-feira (04). As informações são do site CNET.

Segundo ele, o objetivo é que todos conheçam o gadget com potencial para ser top do mercado e a empresa continuará investindo nesta estratégia. A nova versão do Moto X mantém o mesmo nome e traz melhorias em seus componentes e tamanho e possui material de qualidade. O preço atrai e é menor que o do original, com expectativa que chegue às lojas nos Estados Unidos no final deste mês.

A frase de Osterloh sobre um trabalho lento e constante em cima do Moto X também traz alguns indícios do que podemos esperar do futuro da Motorola. As negociações para a compra da empresa pela Lenovo devem ser concluídas até o final deste ano. Osterloh afirmou que a Lenovo conhece tudo em que a Motorola está trabalhando, assim como a estratégia de longo prazo da empresa. “Estou muito confiante de que o que você vê agora seja nossa estratégia em longo prazo”, afirmou ele.

A Motorola e, em pouco a tempo, a Lenovo terão um grande desafio pela frente se o objetivo for concorrer diretamente com as linhas top de smartphones high-end, como Apple e Samsung, que já têm consolidado, principalmente em mercados desenvolvidos, seus carros-chefes, o iPhone e Galaxy S.

A Motorola abocanhou 2,8% do mercado global de smartphones no último período, aumento razoável se comparado com 1% de um ano atrás, segundo o IDC. Já a Apple e a Samsung representam 37% deste mercado.

Segundo Osterloh a empresa está consciente da dificuldade de crescer em mercados desenvolvidos, mas possui um bom histórico em mercados emergentes como a Índia, onde o Moto X esteve entre os tops Premium e o Brasil. A expectativa continua em longo prazo, com um trabalho ano a ano, ressaltou o executivo.

Entre as estratégias desenvolvidas pela Motorola para difundir melhor o Moto X no mercado estão atendentes treinados para ensinar os consumidores a usar recursos da marca, como o Moto Maker, e também uma variedade de designers, saindo de apenas duas opções em preto e branco e oferecendo modelos coloridos e personalizados.

Outro foco da Motorola para se fortalecer no mercado são os wearables. A marca lançou o SmartWatch Moto 360 com o sistema operacional do Google Wear e design circular. O design é uma das crenças da empresa para que o dispositivo conquiste um público mais amplo, visto o alto investimento das concorrentes em lançamentos do tipo.

Osterloh acredita que os benefícios da parte fitness do gadget podem atrair um número maior de consumidores. Para ele, o mercado está direcionando estes produtos para pessoas interessadas em tecnologia, quando deveriam pensar em um mercado mais amplo.

Osterloh assumiu que a Motorola enfrentou problemas com a participação no mercado, mesmo recebendo elogios da crítica sobre o Moto X, mas afirmou que a empresa está preocupada em criar produtos atraentes aos clientes e com investimento na experiência do consumidor.

Fonte: http://www.cnet.com/news/motorola-coo-moto-phones-arent-going-away-with-lenovo-buy/#ftag=CAD590a51e

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.