Pechincha: Google começa a vender domínios nos EUA por US$ 12 anuais

Por Redação | 15.01.2015 às 08:40

O Google deu início a venda de domínios para o público geral nos Estados Unidos. Lançado em junho do ano passado, o Google Domains estava disponível inicialmente por meio de um sistema baseado em convites, mas agora qualquer residente em território norte-americano está automaticamente convidado para utilizar o novo serviço. As informações são do site The Verge.

Os usuários que optarem por usar o Google Domains terão um gasto anual de US$ 12 para utilizar as ferramentas oferecidas, como a ajuda do Google para garantir um domínio, benefícios adicionais como registro privativo, encaminhamento de e-mails para uma conta do Gmail, suporte para subdomínios e redirecionamento de páginas.

Para oferecer maior variedade aos usuários e pensando naqueles que não estão exatamente por dentro de como criar páginas, o Google iniciou uma série de parcerias com empresas especializadas em ajudar na criação de sites rapidamente, como a Squarespace, Weebly e Wix. Caso o usuário decida utilizar esses modelos para criar o próprio site, será cobrada uma taxa extra pelos serviços.

O Google ainda anunciou que os usuários terão suporte completo para o Blogger e, dessa forma, quem criar um site a partir do Google Domains poderá interligar o conteúdo da nova página com o do blog já existente.

Para a gigante das buscas, os meses que o serviço funcionou em caráter de testes foram fundamentais para obter um feedback dos primeiros usuários e verificar se os recursos do projeto estavam funcionando bem. Com a avaliação dos testadores, o Google pode fazer melhorias como a simplificação do painel de controle, suporte para mais de 60 terminações de domínios, melhorar a integração com os modelos de sites oferecidos pelos parceiros e criar uma ferramenta de busca mais eficaz para procurar por URLs não registradas.

Ainda não se sabe quando os usuários de fora dos Estados Unidos poderão usar o Google Domains, mas Mountain View aponta uma página na qual os usuários podem se inscrever para serem notificados quando o serviço chegar a seus países.

Fonte: http://www.theverge.com/2015/1/13/7538197/google-domains-now-available-to-everyone-in-united-states