Não é mágica: veja o display flexível da LG em ação

Por Redação | 23 de Julho de 2014 às 17h20
photo_camera Divulgação

Embora a LG tenha lançado o G Flex, um celular com display curvo que pode ser pressionado para baixo sem afetar seu funcionamento, telas curvas de verdade e realmente flexíveis ainda podem ser consideradas coisas de ficção científica. No entanto, a própria LG tem se esforçado para trazer, mesmo que aos poucos, essa tecnologia para as nossas casas.

Prova disso é um painel OLED de 18 polegadas, apresentado pela companhia na última semana. O visor é tão flexível que pode ser enrolado, literalmente, até virar um tubo com 3 cm de diâmetro, e desenrolado novamente sem prejudicar seus componentes. Mas, na prática, como isso funciona? Foi o que o site OLED Info gravou em um vídeo que demonstra o poder maleável da tela desenvolvida pela LG. E vê-la se enrolar tão facilmente, como num passe de mágica, é algo completamente insano.

Como informamos na semana passada, o painel OLED tem resolução de 1.200 x 810 pixels e 80 ppi, e é a maior tela flexível já apresentada até agora. Em vez do plástico comum, o produto é fabricado com base em um novo filme de poliamida, permitindo que sua composição seja mais fina e mais flexível do que telas convencionais.

Na demonstração feita em um escritório escuro pela LG - é provável que a exibição tenha acontecido em um evento fechado, apenas para imprensa -, o display exibe um conteúdo como qualquer outra tela. O impressionante mesmo é ver ele sendo curvado de verdade para frente e para trás sem alterar aquilo que está sendo reproduzido. São apenas 35 segundos de vídeo, mas a tela é enrolada de tal forma que em alguns momentos temos a impressão que ela vai se quebrar ou algo do tipo. Assista:

Claro, é preciso levar em conta que o vídeo acima mostra uma pessoa que provavelmente foi treinada pela LG para manipular o display. Mesmo assim, parece que finalmente estamos próximos de um futuro no qual as telas dos nossos tablets, smartphones e monitores de computador poderão ter essa tecnologia, além de livros e jornais eletrônicos. Até mesmo TVs poderão ser curvadas dessa forma, e a LG espera lançar um aparelho de 60 polegadas com um painel OLED Ultra HD (4K) flexível.

Um segundo vídeo divulgado pelo OLED Info mostra um outro painel desenvolvido pela LG, também com 18 polegadas. Ele não chega a ser tão impressionante quanto o display flexível, mas tem como característica principal a transparência. O gadget tem opacidade de 30% e poderia, entre outras aplicações, tornar mais fácil a produção de eletrônicos translúcidos. Já pensou em usar um celular ou tablet transparente?

É importante lembrar que os dois painéis são apenas protótipos e não há previsão de quando serão lançados comercialmente. Em maio de 2013, a LG já havia demonstrado o projeto de uma tela para smartphone com características flexíveis, e Ramchan Woo, diretor de planejamento de produtos móveis da companhia, disse no final do ano passado que, até 2018, cerca de 40% dos aparelhos móveis terão tela flexível. Já Wendell P. Weeks, presidente da Corning Glass, entidade responsável pelo vidro flexível Willow Glass e do conhecido Gorilla Glass, acredita que isso se tornará realidade em 2016.

A Samsung, por sua vez, quer ser uma das primeiras companhias do mercado a lançar aparelhos com telas que podem ser curvadas, o que deve acontece já no ano que vem. Falando nisso, em seu keynote na Consumer Electronic Show (CES) 2013, a gigante sul-coreana exibiu o protótipo de um smartphone com painél curvado, batizado com a marca Youm. Desde então, a empresa não revelou mais detalhes sobre uma provável linha de dispositivos flexíveis.

Leia também:

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.