Mudanças de cargo: Microsoft anuncia grande reorganização na empresa

Por Redação | 11.07.2013 às 14:53

Os rumores de uma grande reestruturação na Microsoft foram confirmados pela empresa nesta quinta-feira (11). Por meio de um memorando enviado aos funcionários, o CEO Steve Ballmer detalhou como a companhia vai alterar sua organização em torno de "dispositivos e serviços".

A confirmação das mudanças acontece apenas dez dias após Don Mattrick — presidente da divisão de Entretenimento Interativo da Microsoft, que centra seus esforços na plataforma Xbox e nos softwares de entretenimento da companhia — deixar a empresa para assumir o cargo de CEO da Zynga.

O que muda?

O site The Verge afirma que a reestruturação será enorme e vai afetar todos os cantos da Microsoft. Terry Myerson, diretor do Windows Mobile, vai assumir um novo grupo de engenharia de sistemas operacionais que deve abranger consoles, celulares e PCs.

Julie Larson-Green, conhecida por chefiar a divisão do Windows, assume agora o departamento de engenharia de hardware da empresa, enquanto Steven Sinofsky passa a chefiar a divisão do sistema operacional Windows. O novo papel de Larson-Green inclui a supervisão da equipe de desenvolvimento do Xbox e todos os acessórios relacionados a PCs. Já o grupo de engenharia de serviços e aplicações será liderado por Qi Lu.

O grupo de engenheiros dedicados aos serviços de nuvem, como data centers e banco de dados, será supervisionado por Satya Nadella. Eric Rudder continua no comando das pesquisas da Microsoft, enquanto Rick Rashid sai desse setor para se unir ao grupo de sistemas operacionais.

O setor de Marketing agora fica por conta de Tami Reller, ex-CFO do Windows, enquanto Tony Bates, ex-chefe da divisão do Skype, vai se dedicar às parcerias da companhia. Por fim, Amy Hood vai liderar o grupo de finanças e o setor de Recursos Humanos permanece sob a liderança de Lisa Brummel.

Basicamente, Steve Ballmer optou por mudar a estrutura da empresa e eliminar a tradicional competição interna, fazendo com que as divisões trabalhem em conjunto e se concentrem na gestão de áreas-chave para a Microsoft.