Motorola bate recorde e vende mais de 10 milhões de smartphones no Q3 2014

Por Redação | 03 de Fevereiro de 2015 às 11h41

A Lenovo, maior fabricante de computadores do mundo, divulgou nesta segunda-feira (02) os resultados financeiros referentes ao terceiro trimestre do ano fiscal de 2014, fechando o período com uma participação de 20% no mercado global de PCs.

De acordo com o relatório, a receita foi US$ 14,1 bilhões, número 31% superior em relação ao mesmo período do ano fiscal anterior. A divisão de PCs continua sendo a mais forte da companhia, sendo responsável por 65% da arrecadação, uma porcentagem bem menor do que o mesmo período de 2013, quando a divisão correspondeu a 81%. A diminuição se dá principalmente devido ao crescimento da divisão móvel da empresa, que, com a aquisição da Motorola, passou a contribuir com 24% da receita.

Apesar da alta na receita, o lucro operacional no período foi 15% menor do que o ano passado, com US$ 274 milhões. Descontando-se as taxas, a diferença ano-a-ano cai para 5%, com lucro líquido de US$ 253 milhões.

Os dispositivos móveis da empresa tiveram um enorme crescimento e a Motorola parece estar se recuperando, tendo vendido mais de 10 milhões de smartphones no período e entrado no mercado chinês novamente. A empresa norte-americana contribuiu com US$ 1,9 bilhão na receita da Lenovo.

A divisão de computadores pessoais - que inclui tablets com Windows - ainda é a maior fonte de renda da companhia. Durante o período computado, o setor vendeu 16 milhões de unidades. O número ajudou a companhia a bater a marca de 100 milhões de notebooks ThinkPad vendidos até hoje.

Fonte: http://news.lenovo.com/article_display.cfm?article_id=1921

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.