Motorola anuncia novo Moto X por R$ 1.499 e Moto G2 por R$ 699

Por Pedro Cipoli | 05.09.2014 às 08:00 - atualizado em 05.09.2014 às 18:54
photo_camera Pedro Cipoli/Canaltech

Em evento realizado nesta quarta-feira (04) em São Paulo, a Motorola Mobility anunciou as atualizações de seus bem sucedidos Moto X e Moto G2, além do tão aguardado Moto 360, relógio inteligente da empresa, e um fone de ouvido Bluetooth, o Hint. Tanto o Moto X quanto o Moto G2 já estão disponíveis para compra a partir das 3 horas da manhã desta sexta-feira (05), enquanto o Moto 360 e Hint ainda precisarão de um tempo para chegar ao mercado.

Moto X

Vamos começar pelo novo Moto X (antes conhecido como Moto X+1 e Moto X2), um dos lançamentos mais aguardados de 2014. Ele é o aparelho high-end que faltava na linha Moto, já que a versão original do Moto X não tinha especificações o suficiente para competir com os tops de linha de empresas como Samsung, LG e Sony.

O que mais chama atenção nele não é nem as especificações nem o design, que mantém o estilo curvo e chanfrado da versão anterior, mas o cuidado que a Motorola teve com o acabamento dele. Ele estará disponível com bordas em alumínio e traseiras de bambu, couro ou resina e, em uma alfinetada à Samsung, a empresa afirmou que “o couro é couro mesmo, a madeira é madeira mesmo e o metal é metal mesmo”, já que a sul-coreana imita esses materiais com plástico.

Moto X - Divulgação

Ele está mais sóbrio e chama bem mais a atenção, em especial devido aos detalhes na parte traseira, com câmera e o logo da Motorola com exatamente o mesmo tamanho, flash duplo dividido na borda da câmera e uma pegada mais precisa mesmo com o aumento do tamanho de tela. E, claro, ele está consideravelmente mais rápido também.

O novo Moto X conta com uma tela de 5,2 polegadas, tecnologia AMOLED e resolução HD 1080p, sendo consideravelmente maior do que as 4,7 polegadas do modelo anterior, e vem equipado com o chip Qualcomm Snapdragon 801 com exatamente as mesmas especificações do Galaxy S5 e LG G3 (quad-core de 2,5 Ghz, 2 GB de memória RAM e GPU Adreno 330), um avanço enorme em relação ao dual-core de 1,7 Ghz do Moto X original.

Evento Moto X

A câmera também recebeu um upgrade no sensor, agora com 13 megapixels, e se comporta melhor em condições desfavoráveis de luz. Além dos recursos presentes na versão anterior, ela também filma em 4K e, depois de um hands-on rápido, acreditamos que não perde em nada para os tops de linha da geração atual. Infelizmente o smartphone continua não suportando cartões micro SD, mas há uma opção de modelo com 32 GB de memória interna.

Além disso, também há os comandos inteligentes do Moto X original e algumas melhorias como a possibilidade de abrir apps, selecionar pessoas e mandar mensagens de texto sem precisar ligar a tela do aparelho utilizando exclusivamente comandos de voz. Outro recurso interessante que foi adicionado é a possibilidade de customizar o comando de ativação por voz do aparelho, que antes era "Ok, Google Now".

Evento Moto X

Por se tratar de um top de linha, todos os recursos mais avançados (4G, NFC, DLNA e assim por diante) estão presentes, além do compromisso da Motorola em utilizar uma versão quase pura do Android 4.4 KitKat com atualização garantida para as próximas versões.

Moto G2

Além do Moto X, a Motorola também anunciou o Moto G2, uma atualização do Moto G original que corrige as principais falhas da versão anterior. Ele vem com o mesmo Snapdragon 400 do Moto G, mas agora é maior, com tela de 5 polegadas e resolução de 1.280 x 720 pixels.

A câmera de 8 megapixels, que nos pareceu bem melhor depois de alguns testes, alto-falantes na parte da frente ao estilo Xperia Z2 e basicamente os mesmos preços. Há três versões com diferentes opções de armazenamento interno (8 GB ou 16 GB), suporte para cartão microSD e opção de compra separada das shells, as capas coloridas da empresa.

Evento Moto X

Os dois modelos mais básicos oferecerão suporte a redes 3G, dois chips e rádio FM. Já a versão mais avançada virá com as mesmas características e contará com o diferencial de suportar a televisão digital. Não foi mencionado nada sobre uma variante que ofereça suporte a nova rede 4G, o que nos faz acreditar que a companhia não irá abandonar a versão 4G do Moto G da geração anterior.

Moto 360 e Hint

A companhia reservou os últimos momentos do encontro para anunciar dois “wearables”. Brincamos um pouco com o tão aguardado Moto 360 e ele é realmente bonito com sua construção de metal e tela inicial que lembra um relógio analógico.

Ele utiliza o Google Now do smartphone via Bluetooth e realmente parece um relógio. Aqui a Motorola alfinetou novamente a Samsung, dizendo que o Moto 360 “não parece um smartphone de pulso, ao contrário do que algumas empresas fazem por aí”, além da compatibilidade, “já que ele funciona com qualquer Android e não com meia dúzia de aparelhos de forma limitada”.

Evento Moto X

O Moto 360 chegará às lojas em outubro, mas ainda não tem preço definido. Ao que tudo indica, a Motorola está esperando o evento da Apple do dia 9 de Setembro para fixar o seu preço, já que é onde provavelmente veremos o iWatch pela primeira vez. Vale destacar que o Moto 360 é a prova d'água e suporta carregamento sem fios com um dock incluso na embalagem, mas, infelizmente, foi projetado para que a sua bateria dure somente um dia.

Para finalizar, a companhia anunciou o Hint, um fone de ouvido Bluetooth que chegará às lojas antes do Natal. O que ele tem de especial? Bom, ele é curiosamente pequeno, pesa somente 6 gramas e possui um microfone embutido, além de trazer uma bolsa de transporte que oferece até 3 recargas sem a utilização de fios.

Hint - Divulgação

Preços

O novo Moto X foi anunciado com o preço oficial de R$ 1.499. O preço é super atraente, principalmente se levarmos em consideração que o smartphone fará frente ao LG G3, Sony Xperia Z2 e Galaxy S5, que custam, respectivamente, R$ 2.299, R$ 2.499 e R$ 2.599.

Mesmo com uma diferença de preços que chega a quase a R$ 1100 (no caso do Galaxy S5), o novo Moto X não nos pareceu perder em nada para nenhum deles. Na próxima semana receberemos uma amostra para testes, onde poderemos conferir com mais detalhes se há alguma ressalva.

Quanto ao Moto G2, o modelo Dual SIM com 8 GB de memória interna custará R$ 699, enquanto a versão Colors com 8 GB de armazenamento e duas capas coloridas (preta e turquesa) sairá por R$ 729. A versão mais avançada do aparelho, que vem com 16 GB de memória interna, duas capas coloridas e suporte a TV Digital, custará R$ 799.

Os valores não só são atraentes para o sucessor do aparelho que ficou conhecido pelo seu custo-benefício, como também reafirma o posicionamento da Motorola neste segmento de smartphones que custam entre R$ 700 e R$ 800.