Moto 360 é listado em site de compras por US$ 249,99

Por Redação | 18.08.2014 às 12:35
photo_camera Divulgação

Faltam apenas alguns dias para que o Moto 360 seja disponibilizado para o público. Enquanto isso, não param de surgir rumores sobre as especificações do novo gadget da Motorola. E no que depender de um vazamento no site de compras Best Buy, uma das maiores redes de varejo dos Estados Unidos, o relógio inteligente custará US$ 249,99, cerca de R$ 560 na cotação atual.

Esse é o mesmo preço especulado pelo Business Insider há dois meses, e agora parece que será oficial. Com isso, o Moto 360 será o smartwatch mais caro do mercado equipado com o sistema operacional Android Wear - nos EUA, o LG G Watch e o Samsung Gear Live custam US$ 229 e US$ 199, respectivamente. Mas será que esses dólares a mais pelo Moto 360 fazem a diferença?

De acordo com o anúncio publicado pelo Best Buy, sim. O The Verge capturou algumas telas da página do produto no site de compras, página esta que já não está mais acessível. Além do preço, o anúncio exibia algumas informações que já foram confirmadas pela própria Motorola, como uma tela de LCD sensível ao toque de 1,5 polegada (320 x 290 pixels de resolução) com tecnologia Gorila Glass 3, resistência à água (até 30 minutos submerso), monitor de frequência cardíaca e pedômetro integrado.

A página do acessório também indicava conectividade Bluetooth 4.0, mas não exibia uma data oficial de lançamento, se limitando apenas ao comentário de que "em breve" estará disponível. Levando em consideração os anúncios feitos pela Motorola no ano passado, a expectativa é de que o gadget chegue às lojas logo após ser revelado, em um evento em Chicago no próximo dia 4 de setembro.

Moto 360

Página no Best Buy exibia especificações e preço do Moto 360. (Foto: Reprodução/The Verge)

O Moto 360 é a grande aposta da Motorola no mercado de relógios inteligentes. Diferente do formato quadrado da maioria dos outros relógios, o gadget possui um formato circular que lembra os modelos de antigamente, e tem apenas 46 mm de diâmetro. Ele oferece suporte a qualquer smartphone Android que tenha a versão 4.3 Jelly Bean ou superior instalada, e ainda trará um recurso conhecido como orientação livre, que permite que o dono visualize o conteúdo do visor da forma que considerar melhor ou ajuste o relógio no pulso que preferir - a mudança ocorre automaticamente quando o relógio é posicionado na direção desejada.

Na semana passada, foi descoberto que o smartwatch já foi homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o que significa que o aparelho está autorizado a ser vendido no Brasil. Fora o Moto 360, a Motorola conseguiu homologar outros dois smartphones, que devem ser os sucessores do Moto G e do Moto X. Mais informações oficiais sobre os novos produtos serão detalhaads no começo de setembro, quando a companhia irá revelar sua nova linha de dispositivos.