Microsoft pode lançar híbrido de notebook com smartphone

Por Redação | 20 de Janeiro de 2015 às 11h43
photo_camera Divulgação

A ideia de integração total da Microsoft pode estar indo um pouco longe demais. Em meio a especulações sobre os novos rumos da empresa com a chegada do Windows 10 e a união entre seus sistemas operacionais para PC, videogames, smartphones e tablets, vem a informação de que a companhia estaria preparando o lançamento de um híbrido entre laptop e telefone, levando o mundo dos dispositivos conversíveis a novas direções.

Os dados foram publicados pelo The Information, mas ainda não foram confirmados oficialmente. A ideia da empresa, no entanto, é lançar um produto que tenha apelo para o mercado corporativo e apostar na mesma ideia dos tablets conversíveis: os usuários possuem a tela sensível ao toque para uso geral e, quando precisam trabalhar ou digitar algo mais longo, podem utilizar o teclado físico.

A diferença é que, aqui, estamos falando de uma categoria completamente nova de produto e, como não temos imagens nem mais informações sobre como tudo vai funcionar, resta apenas a imaginação para entregar uma noção de como será a novidade de Redmond. A principal questão parece estar relacionada ao tamanho: seria o dispositivo apenas um retorno aos velhos tempos de celulares com teclados físicos, ou a empresa vai se aproveitar do tamanho considerável dos telefones inteligentes do momento para entregar uma experiência mais completa e semelhante ao que temos nos PCs na hora de digitar?

Outra ideia estaria relacionada ao poder computacional do aparelho. Ao falar em um híbrido entre PC e smartphone, a empresa pode estar se referindo a um produto que rode o Windows 10, por exemplo, e tenha atributos dignos de um desktop, tanto em utilização quanto em potencial. Produtos chineses já tentaram emular essa sensação, mas não há nada como uma solução criada pela própria fabricante e com um sistema operacional que parece se voltar bastante ao mundo mobile, mesmo rodando em um desktop ou notebook convencional.

Seja como for, é improvável que a gente veja o novo aparelho já nesta semana durante o evento da Microsoft que vai apresentar o Windows 10 ao público. As informações não-oficiais indicam um produto que ainda está em estágio de desenvolvimento, com a Microsoft provavelmente tentando entender o que os clientes querem e como entregar isso a eles.

A empresa, claro, não se pronunciou oficialmente sobre o rumor de seu suposto novo produto.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.