Microsoft lança iniciativa para contratar funcionários com autismo

Por Redação | 06.04.2015 às 13:35
photo_camera Divulgação

Como parte das homenagens ao Dia Mundial da Consciência do Autismo, que aconteceu na última quinta-feira (2), a Microsoft revelou que vai desenvolver um programa piloto para contratar pessoas autistas.

A iniciativa foi anunciada por Mary Ellen Smith, vice-presidente corporativa da empresa, que tem um filho de 19 anos diagnosticado com autismo aos 4 anos de idade. A executiva destaca que a Microsoft aposta na diversidade de seus funcionários pois isso enriquece a atuação da companhia nos produtos e serviços oferecidos, além de impactar a forma como esses profissionais vivem e trabalham. "Fornecemos um ambiente inclusivo, onde todos podem dar o seu melhor", disse.

O programa começará com a oferta de algumas vagas para a sede da empresa, em Redmond, nos Estados Unidos. A ideia é que o projeto seja lançado nos escritórios da corporação em outras partes do mundo nos próximos anos.

"Pessoas com autismo trazem a força que precisamos na Microsoft. Cada indivíduo é diferente, alguns têm uma capacidade incrível de reter informações, pensar em nível de detalhes ou serem ótimos em matemática ou programação. É um grupo talentoso que queremos continuar a trazer para a Microsoft", afirma Mary Ellen. A executiva ainda disse que o esforço da companhia vai além do autismo, pois a empresa acredita na "contratação de indivíduos de todas as deficiências".

Esta não é a primeira vez que uma empresa de tecnologia anuncia planos de contratar pessoas autistas. No ano passado, a SAP revelou que irá empregar cerca de 650 funcionários com autismo até 2020 (1% da força de trabalho da companhia).

Fonte: Blog da Microsoft