Memorando interno da Samsung mostra que bater Apple é prioridade da sul-coreana

Por Redação | 08.04.2014 às 12:45

A briga na justiça entre Samsung e Apple por causa de patentes já se estende por anos. A Apple sempre foi bem reativa com o assunto - foi quem deu início aos processos - e Steve Jobs era um dos mais ferrenhos defensores das ações judiciais, tendo declarado, inclusive, que o ano de 2011 seria o ano da “guerra santa” contra o Android. Mas o que poucos sabem é que bater a arquirrival norte-americana também estava nos planos da sul-coreana.

Segundo documentos internos de 2011 publicados pelo Re/Code, essa era a prioridade número um da empresa. Nele, a fabricante de smartphones afirma que todas as decisões de alto nível a serem tomadas devem ser analisadas tendo em mente a Apple e que Cupertino “representa uma ameaça extremamente real e urgente”.

Samsung vs Apple

O texto ainda cita os esforços da companhia em promover a marca Galaxy e, com o intuito de "roubar" os usuários da Apple para si, a empresa deveria entender o porquê deles comprarem iPhones para então desenvolver estratégias específicas para combater a atratividade dos produtos da Maçã.

Já do lado da Apple, a queda na taxa de crescimento das vendas do iPhone também preocuparam a empresa. Em outro documento de 2011 da gigante norte-americana, o fenômeno foi, em partes, atribuído ao Android, pois empresas como a Samsung investiram quantias extremamente altas de dinheiro com propaganda.

A importância do documento da Samsung pode refletir nos tribunais, pois a Apple poderá alegar que o fato da sul-coreana estar tão obcecada em bater a rival significa que ela estaria disposta a fazer qualquer coisa para alcançar o objetivo, inclusive infringir patentes.