Médico associa câncer de estômago de estudante chinesa ao vício em videogames

Por Redação | 30.10.2012 às 09:00

Mesmo com toda a segurança que a China desenvolveu em relação ao cuidado com os alimentos após alguns escândalos relacionados ao assunto, uma jovem universitária foi diagnosticada com câncer de estômago, mas, aparentemente, a culpa pode ser da sua dedicação exagerada aos games.

A estudante de apenas 20 anos de idade teria desenvolvido o câncer de estômago devido aos seus maus hábitos alimentares, que foram supostamente desenvolvidos por causa do seu amor pelos videogames.

Segundo o Dr. Wei Shaozhong, diretor de cirurgia gastrointestinal do Hubei Provincial Tumor Hospital, a doença surgiu por causa das noitadas de jogatina e a ingestão de muita junk food. O médico disse também que o que a jovem mais consumia era macarrão instantâneo, churrasco chinês e biscoitos, passando diversas semanas sem comer sequer arroz.

A jovem começou a sentir muita dor em seu intestino e, depois de ser convencida pelos seus pais, procurou ajuda médica. Já era tarde, pois ela já havia desenvolvido o câncer.

Segundo o Kotaku, o médico disse ainda que a garota costumava navegar na Internet e participar de jogos online a noite inteira, e só parava para comer quando estava com muita fome. Como ela sempre ia procurar por comida tarde da noite, as opções que restavam eram junk food.

Na realidade, o médico chinês - que parece ignorar o sigilo médico - não conseguiu provas efetivas que vinculem o câncer com o vício em videogames. Isso é mais um alerta para mostrar que os jovens às vezes tomam decisões ruins e que precisam cuidar melhor da sua alimentação.

O médico deixa um alerta para aqueles que não resistem a um churrasquinho de gato - ops - de rua. Ele disse que devemos ficar atentos principalmente a carnes queimadas, que podem levar a uma maior ingestão de benzopireno, uma substância que supostamente causa câncer. O estado de saúde atual da estudante não foi divulgado.