Manifestação no campus da Apple pede mais direitos aos trabalhadores

Por Redação | 12.12.2014 às 15:32

Um grupo de mais de 100 manifestantes ocupou o campus da Apple no Vale do Silício na noite de quinta-feira (11) para exigir melhores condições de trabalho a funcionários que prestam serviços na empresa. O protesto foi liderado pelo United Service Workers West, um ramo da Service Employees International Union, e também pelo ativista dos direitos civis Rev. Jesse Jackson, informa o site Mercury News.

Os manifestantes chegaram a ocupar o saguão do campus cantando “Sí se puede” (Sim, nós podemos) e vestindo ponchos roxos, o que chamou a atenção de funcionários da Apple que estavam na empresa. Algumas pessoas levantavam cartazes com os dizeres: “Enquanto a Apple foge dos impostos, nós pagamos o preço”.

As entidades responsáveis por organizar o protesto alegam que há uma grande diferença no tratamento dos funcionários das áreas de tecnologia das empresas do Vale do Silício e os funcionários responsáveis por tarefas como limpeza, segurança e transportes. As diferenças seriam não apenas nos salários, mas também nos benefícios recebidos.

Os manifestantes entregaram a responsáveis da Apple uma petição assinada por 20 mil pessoas, reivindicando melhores condições para os trabalhadores no Vale do Silício.

Esse tipo de protesto tem se tornado mais comum na região. Diversas entidades e ativistas têm exposto as regalias dadas a funcionários da área de tecnologia das empresas, enquanto trabalhadores de serviços ganham pouco e têm poucos benefícios. Empresas como o Facebook e o Google já têm tomado algumas decisões que visam melhorar as condições de trabalho dos funcionários do ramo de serviços.

Um dos principais objetivos da United Service Workers West é dar mais ênfase à causa dos guardas de segurança que trabalham no campus da Apple e conseguir uma unidade da categoria no local para buscar melhores condições de trabalho.

Fonte: http://www.mercurynews.com/business/ci_27118886/protesters-storm-apple-campus-urging-better-working-conditions