LG vai investir US$ 655 milhões para aumentar a produção de TVs OLED

Por Redação | 18 de Fevereiro de 2013 às 15h24

No início deste ano a LG falou a respeito do lançamento de alguns modelos de TV OLED ainda no primeiro semestre de 2013, mas o preço inicial seria algo salgado: eles seriam cerca de cinco vezes mais caros do que os aparelhos com tela de LCD.

Porém, para animar os interessados na novidade, a companhia alegou que está investindo US$ 655 milhões (quase R$ 1,3 bilhão) para colocar os novos televisores em produção em massa até 30 de junho de 2014, segundo informações da Fox Business.

O alto investimento seria direcionado para uma nova linha de produção na Coreia do Sul, onde devem ser fabricados televisores OLED com 55 polegadas. A LG Electronics, que detém uma participação de 38% na LG Display, bateu a Samsung ao lançar sua TV OLED com essas medidas em janeiro por US$ 10 mil.

As TVs OLED são capazes de reproduzir cores mais vivas e de maneira mais natural, além de permitir que as empresas criem telas muito finas. Mas as companhias têm encontrado dificuldades para produzir os modelos em massa devido às restrições da tecnologia.

A Sony foi uma das pioneiras do OLED, mas não foi bem sucedida na comercialização dos displays. Esse tipo de tela também é usado em smartphones, mas as telas maiores também significam lucros maiores para os fabricantes, e é por isso que eles insistem em investir e tentar reduzir os preços.

"Além dos desafios técnicos e de produção de grande volume, as TVs OLED também já enfrentam uma tarefa difícil de possuir preços competitivos em relação às TVs LCD com 4K de resolução e até mesmo TVs de LCD Full-HD", explica a empresa de pesquisa IHS iSuppli para a Fox.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!