Investimentos-anjo crescem 11% em apenas um ano no Brasil

Por Redação | 26 de Novembro de 2014 às 11h57

A organização Anjos do Brasil anunciou nesta segunda-feira (24) que o investimento-anjo cresceu 11% no Brasil este ano. A informação foi divulgada durante a 3ª Conferência Nacional de Investimento Anjo, que aconteceu em São Paulo.

De acordo com o fundador da organização, Cássio Spina, entre julho de 2013 e junho de 2014, esse tipo de investimento saltou de R$ 619 milhões para R$ 688 milhões. Spina ainda disse que, só no Brasil, o número de investidores-anjo cresceu em 9%, passando de 6.450 para 7.060 pessoas. Em 2013, o crescimento foi de apenas 2,3%.

Além disso, o empresário revelou que o valor médio por investidor cresceu 2% nos últimos dois anos. Entre 2012 e 2013, o valor médio por investimento era de R$ 96 mil e, agora, este número saltou para R$ 97.500.

"O crescimento deste ano foi afetado pela perspectiva negativa da economia, bem como a Copa do Mundo. Entretanto, ainda assim tivemos uma evolução bem superior aos outros índices econômicos, demonstrando o potencial do investimento-anjo”, relatou Spina na conferência.

A previsão é que os investidores-anjo façam investimentos individuais de até R$ 399 mil nos próximos dois anos, gerando um aumento de até 174% em relação aos anos de 2013 e 2014. Ainda segundo a pesquisa da organização, o potencial do investimento poderá ficar em torno de R$ 2,9 bilhões - um valor bem acima do efetivado, já que ainda falta políticas de proteção e estímulo da atividade.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.