IBM vai investir mais de US$ 1 bilhão em supercomputador Watson

Por Redação | 09 de Janeiro de 2014 às 16h10
photo_camera Divulgação

O supercomputador Watson deve receber novas melhorias em breve. Isso porque a IBM disse que vai investir mais de US$ 1 bilhão para criar uma nova unidade de negócios voltada para aumentar o desempenho de um dos PCs mais poderosos do mundo. As informações são da Reuters.

Segundo a empresa, a unidade será comandada por Michael Rhodin, ex-vice-presidente sênior do grupo de soluções de sofwtare da IBM, terá cerca de 2.000 funcionários e será sediada em Nova York, nos Estados Unidos. O investimento ainda inclui um fundo de capital de US$ 100 milhões para impulsionar a inovação do Watson Developers Cloud, um dos programas recentes abertos pela companhia que permite a técnicos, programadores e desenvolvedores a criação de aplicativos e ferramentas externas.

O sistema do supercomputador Watson é capaz de entender, raciocinar e responder a vários tipos de pergunta sem os erros que nós, humanos, estamos acostumados a cometer. Em 2011, a máquina venceu os participantes do programa de TV "Jeopardy", um quiz show norte-americano, usando seus recursos de linguagem natural e análise. Por conseguir raciocinar semelhante à forma como as pessoas pensam, o computador pode analisar e interpretar grandes quantidades de dados rapidamente.

No final do ano passado, a IBM anunciou planos de compartilhar o Watson pela internet através da computação na nuvem. O objetivo é permitir que companhias, estudantes e desenvolvedores de software utilizem a máquina para melhorar sua capacidade de interpretar dados mais complexos e interagir com os humanos. As companhias vão precisar contratar uma espécie de assinatura para poder acessar o Watson. Feito isso, os programadores terão acesso completo e em tempo real ao supercomputador e suas ferramentas.

"Queremos que outras pessoas se envolvam no projeto porque acreditamos que este desenvolvimento é significativo para o futuro da computação", disse na época Rob High, diretor de tecnologia da IBM.

Leia também: Supercomputador IBM Watson quer ajudar médicos a diagnosticar pacientes

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.