Google sabe mais coisas sobre sua vida do que você poderia imaginar

Por Redação | 24.11.2014 às 09:47

Nos dias de hoje, privacidade não é algo tão fácil de conseguir na internet e, segundo o Business Insider, o Google é uma das empresas que mais espiam a vida alheia. A empresa conhece boa parte do histórico de navegação dos usuários, quer seja no navegador web ou mobile, e uma série de outras coisas que talvez você nunca tenha imaginado.

Pensando nisso, uma lista foi montada para mostrar o que o Google sabe sobre você que você sequer sabia. Confira:

Localização

Se os serviços de localização estiverem ativados (coisa que, muitas vezes, você nem percebe), o Google saberá onde você está e pode até entender onde você mora. Quem usa o Android certamente já viu um anúncio de "Faltam x minutos para chegar em casa".

Categorias de pesquisa

De onde você acha que surgem todas as sugestões que o Google dá para você? Cada termo pesquisado no site da gigante de buscas é arquivado para poder oferecer os melhores resultados quando você for fazer uma próxima pesquisa e lançar páginas que possam interessar.

Anúncios e produtos

É muito provável que você faça compras pela internet. Se esse for o caso, o Google já entendeu quais são os seus gostos para produtos pessoais. Se você gostar de consumir roupas, por exemplo, certamente já viu algum anúncio de outlet ou sites oferecendo promoções piscando em algum canto do seu navegador.

Dispositivos usados para conexão

Usou o seu iPhone para pesquisar algo? Ligou o computador para enviar um e-mail? O Google sabe qual aparelho foi utilizado, assim como a data e a hora do uso.

E-mails enviados

Se você usa o Gmail, essa informação já era esperada. O Google mantém um registro da quantidade exata de e-mails que você enviou, assim como as conversas que você teve com contatos do Google+ e Hangouts.

Dados bancários

Com o Google Wallet, pagar as contas em alguns lugares ficou muito mais fácil. Comprar produtos e baixar aplicativos pagos na Play Store, por exemplo, são atividades que podem ser feitas em apenas alguns cliques. Obviamente, os cartões de crédito cadastrados estão com seus dados guardados em algum lugar na grande rede da empresa.

Todas essas informações podem ser usadas para diversos fins e geram opiniões bastante controversas. De um lado, uns dizem que tudo isso facilita e ajuda o dia a dia das pessoas; enquanto outros dizem que isso pode arruinar a vida de muita gente caso caia em mãos erradas. Independentemente do ponto de vista de cada um, uma coisa é certa: o Google sabe muita coisa sobre nós.